Edson Calixto confirma que será o vice na chapa de Eudes Sampaio

O ex-secretário de Cultura, Edson Calixto, já confirma a aliados mais próximos e a representantes da Cultura Ribamarense que foram assistidos pela pasta nos últimos anos, que será candidato a vice-prefeito.

Para um desses aliados, Calixto confidenciou que o feito é uma vitória contra Luís Fernando, já que o ex-secretário se diz enganado pelo ex-prefeito em outras eleições. “Perguntei a Calixto se ele seria candidato a vereador, e ele me respondeu que venceu a batalha contra Luís Fernando, e até que enfim será o candidato a vice-prefeito em São José de Ribamar, feito que deveria ter ocorrido nas três vezes que Luís Fernando disputou a prefeitura, mas foi deixado de lado pelo ex-prefeito.” Disse o aliado de primeira hora do ex-Secretário de Cultura.

Nos últimos dois meses, Calixto intensificou suas conversas com os vereadores da base do prefeito Eudes Sampaio, virando uma espécie de porta-voz do prefeito, coordenando cada ato dos parlamentares e conseguiu, entre outros feitos, impulsionar o distanciamento dos parlamentares, do ex-prefeito Luís Fernando.

Foi de Calixto, por exemplo, o incentivo para instalação da CPI da Saúde, com objetivo de pressionar Eudes a demonstrar publicamente o distanciamento do ex-prefeito Luís Fernando. Com o feito, o caminho para Calixto tornou-se mais fácil.

Ou não, já que na Câmara, está cada vez mais forte a corrente para criação da CPI da Cultura, que pode abrir a caixa preta e revelar contratos milionários realizados na Secretaria comandada por Calixto nos últimos anos, entre eles, a enxurrada de apresentações feitas pela banda Os Iguais e que pode complicar a vida do pré-candidato a vice-prefeito.

O blog tomou conhecimento de um dossiê onde uma banda teria se apresentado mais de 15 vezes em apenas 10 dias, fazendo jus ao nome, já que todos os dias a atração igual a do dia anterior.

Leia também: Suspeita de fraude em licitação no São João pode ter movimentado milhões em São José de Ribamar

Fabiana Mendes disputará prefeitura de Presidente Vargas pelo PDT

A Procuradora Federal, Fabiana Rodrigues Mendes Félix, a convite do Senador Weverton Rocha, ingressou no Partido Democrático Trabalhista (PDT) e disputará a prefeitura de Presidente Vargas nas eleições deste ano, após provável homologação do nome em Convenções Municipias.

O convite e o ingresso da pré-candidata na hoste Brizolista de Presidente Vargas, teve a aceitação do Diretório Municipal, presidido pela forte liderança de Arnaldo Luna, que é histórico da legenda.

Apesar da família de Fabiana ter um grande histórico político na região, seu nome surgiu de forma espontânea, pela população Presvarguense, em especial pela juventude do município, que não aguenta mais esperar o progresso chegar à cidade. Vale aqui, lembrar, que a sofrida cidade de Presidente Vargas viveu um sonho de esperança com a vitória do empresário Herialdo Pelúcio (PCdoB) nas eleições de 2016, mas infelizmente foi interrompido com seu precoce falecimento, ocorrido no inicio do mandato.

Ansiosos pelo tão sonhado desenvolvimento do município, e com a lacuna deixada com o falecimento do prefeito Herialdo, a população começou ver esperança na jovem Fabiana, que é detentora de uma excelente biografia e que tem também ao seu lado, como boa referência, o esposo Simão Félix.

Fabiana tem sido vista como a pessoa ideal para concretizar esse sonho de esperança e progresso para Presidente Vargas, e o movimento que surgiu do povo é crescente e segue ganhando adesões que já contam com o apoio de cinco (05) dos sete (7) ex-prefeitos vivos (Afonso Viana, Manuca Nicácio, Sebastião Figueiredo, Arnaldo Luna e Gonzaga Junior), de vereadores, ex-vereadores, diversas lideranças políticas da sede e zona rural, líderes do Sindicato dos Trabalhadores Rurais e de outras entidades de classe.

A Procuradora Federal (AGU), Fabiana Mendes, é casada com o empresário Simão Félix, mãe de dois filhos, Mariana e Vitor, formada em Direito, pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e está no serviço público desde 2005, tendo sido Analista do Ministério Público Federal (MPF) e já tendo atuado na Fundação Nacional da Saúde (FUNASA), Fundação Nacional do Índio (FUNAI), INSS e Execução Fiscal Federal.

Codó se prepara para voltar a “normalidade”

Na próxima segunda-feira (01), os estabelecimentos considerados não essenciais, começarão a funcionar no município de Codó. Para garantir um retorno com segurança, o prefeito Francisco Nagib (PDT), estabeleceu regras especiais para o funcionamento do comércio.

O horário reduzido é grande novidade. Segundo decreto municipal, o funcionamento desses estabelecimentos não essenciais poderão funcionar das 7h às 13h, de segundo à sábado.

Em constate diálogo com os representantes do setor comercial, o prefeito também estabeleceu regras sanitárias, como medidas de restrição, público reduzido, disponibilização de álcool em gel, uso obrigatório de máscaras, dentre outras medidas que serão fiscalizadas pelo Poder Público.

Nagib também anunciou a abertura de 15 novos leitos para atender a demanda do município. “Serão inicialmente 15 novos leitos no hospital de Campanha, e depois mais 15 outros leitos, totalizando 30 leitos dedicados exclusivamente aos pacientes com Covid-19. Depois teremos mais 10 leitos de UTI. Isso dá segurança para que a gente possa seguir, paralelo aos cuidados com a saúde, com a prevenção, a manutenção dos empregos das pessoas que estão há mais de 45 dias sem trabalhar.” Disse o prefeito Municipal.

Pelo novo decreto, ainda não está autorizado o funcionamento de motéis e a venda de bebidas alcoólicas apenas no sistema delivery ou para retirada no estabelecimento.

Dino mostra que não teme perseguição de Bolsonaro e vai ao STF contra PGR

O Governador Flávio Dino (PCdoB), que carrega em seu curriculum, além da experiência como gestor e parlamentar, 12 anos como Juiz Federal, em concurso onde foi aprovado em primeiro, mostrou que não está nenhum pouco preocupado com os sinais de perseguição enviadas pelo presidente Jair Bolsonaro.

Após tomar conhecimento pela imprensa, de um descabido inquérito autorizado ela Procuradoria Geral da República – PGR para investigar a compra de combustível para helicóptero realizada pelo Governo do Maranhão, Dino mostrou, nesta sexta-feira (29), que com ele, o jogo politico de perseguição implantado por Bolsonaro vai ser jogado contra um ex-juiz, que conhece muito bem se a conduta do presidente for ilegal e abusiva.

Após tentar tomar conhecimento da denúncia por vários veículos de imprensa, sem receber nenhuma resposta da PGR, Dino recorreu ao STF para obter esclarecimentos do que está sendo considerado “denúncia do ET de Varginha.”

“Há um mês esse assunto está vazando para veículos de comunicação. Peticionei no STJ três vezes, não tive resposta. Peticionei no Ministério Público Federal do Maranhão e responderam que arquivaram. Peticionei na PGR, e o procurador [Augusto Aras] ficou quieto. Vou então ao STF para saber se a denúncia desse ET de Varginha é coisa séria”, disse Dino.

De acordo com a defesa de Dino, a denúncia foi feita em Varginha (MG), sem nenhuma prova e nenhum dado, apenas supondo que a quantidade de combustível estaria superestimada.

Agora, Dino quer  cópia do procedimento investigatório, acesso integral aos elementos de prova já documentados e notificação das autoridades envolvidas para que elas possam prestar informações no prazo de dez dias.

Pelo visto, Bolsonaro pegou em fio pelado.

Medidas preventivas evitaram explosão de casos de Coronavírus em Viana, revela estudo

Um estudo publicado no último dia 27 de maio revelou que o distanciamento social e outras medidas preventivas adotadas no município evitaram cerca de 18.700 infecções pelo Novo Coronavírus. Hoje, Viana registra 270 casos de Covid-19, 47 suspeitos, 161 recuperados e sete óbitos.

Os dados foram levantados pelo físico e professor Sidcley Pereira Gomes, Mestre em Engenharia Elétrica com pesquisa na área de Processamento Digitais de Sinais na Universidade Federal do Maranhão. O estudo projetou o cenário e a curva de infecção onde os moradores circulavam normalmente pela cidade, sem nenhuma medida restritiva.

A estimativa é baseada em Modelos Compartimentais que Simplificam a Modelagem Matemática de Doenças Infecciosas (SIR), em tradução livre do inglês, que estima a quantidade de pessoas que podem ser infectadas por um indivíduo contaminado em uma cidade com 52 mil habitantes, como a cidade de Viana.

Os cálculos foram feitos levando em consideração os registros oficiais monitorados pela Secretaria de Saúde desde o início do acompanhamento da situação da pandemia no município, como números de casos ativos e não ativos.

A simulação descrita pelo gráfico acima mostra que, caso a população de Viana não houvesse tomado as medidas de distanciamento social, haveria cerca de 18.700 infectados em apenas 60 dias, levando em consideração a data de publicação do estudo, 27 de maio.

O resultado do estudo pode indicar também a subnotificação dos casos no município. As subnotificações acontecem porque, ou as pessoas infectadas são assintomáticas, ou os sintomas foram tão leves que elas não precisaram ir a um hospital, o que pode aumentar significativamente o número de casos.

“Infelizmente não há modelo matemático no mundo que seja capaz de prever essas subnotificações e por isso elas influenciarão no que temos nos dados reais. No entanto, esses modelos são importantes para que os gestores possam tomar medidas preventivas – como quarentenas, isolamento social ou lockdown”, disse que o professor.

No dia 22 de maio, o Procurador Geral do Município de Viana, Marx Frederich Costa disse em entrevista ao Jornal da Maracu 1ª Edição, que o número de casos de Coronavírus em Viana é proporcional se comparado ao número de habitantes da cidade. Ao Portal Matraca, o pesquisador explicou o porquê.

“O modelo matemático que usei para realizar essa estimativa, chamado modelo SIR (Susceptível, Infectado e Recuperado), o qual tem sido usado em muitos estudos, aponta nessa direção mesmo. Em uma pandemia, como a do novo coronavírus, espera-se que a curva de contágio cresça em uma taxa muito alta, alcance um pico e depois diminua, porque ou as pessoas se recuperam e ganham imunidade, ou infelizmente faleceram por conta do vírus”, explicou o professor.

Vale ressaltar que a simulação levou em consideração uma situação hipotética onde as pessoas levariam uma vida normal em meio à pandemia. Nessa situação, Viana poderia registrar a mais de 18.000 infectados no pico do contágio.

“Agora partamos do pressuposto que cerca de 1% desses 18 mil infectados no pico fossem pacientes em estado grave e precisassem do nosso sistema de saúde? O que aconteceria? Teríamos cerca de 180 pacientes internados em estado grave em nosso município, necessitando de respiradores. Felizmente, os dados atuais apontam que passamos pelo pico de contágio aproximadamente no vigésimo dia de notificação, com apenas 138 pessoas ativas, e um total de 202 contaminados naquele dia. Sem dúvidas, as medidas de isolamento fizeram com que a curva fosse achatada, salvando a população de um desastre”, revela o professor.

Ao avalia as medidas tomadas por outros municípios sem a realização de estudos e base de dados, o professor adverte que as medidas tenderão a se tornar confusas por parte dos gestores, pois sem ter uma compreensão clara do que os dados informam, tais gestores não poderão tomar decisões acertadas.

“Isso pode passar insegurança para a população, principalmente para aqueles que fazem a economia girar, como já acontece em muitas cidades do país. Estudos como esses ajudam os gestores a tomar medidas de relaxamento de uma forma responsável, liberando setores da sociedade à medida que observa-se a evolução da curva de contágio, primeiro com serviços essenciais, mais para frente comércio em geral, depois igrejas, escolas e assim por diante”, explicou.

Rubens Júnior lança novos editais para concessão de imóveis no Centro Histórico de São Luís

O deputado federal licenciado e secretário das Cidades e Desenvolvimento Urbano do Maranhão (Secid), Rubens Júnior, lançou, nesta manhã, a segunda etapa do Programa Nosso Centro. Com ações integradas, o projeto está contribuindo para a revitalização do Centro Histórico de São Luís.

Com foco no desenvolvimento das vocações comercial e habitacional, a Secid avança nas ações com cinco editais para reforma e concessão de imóveis. O projeto Habitar no Centro, que vai oferecer moradia digna a famílias em situação de vulnerabilidade social, vai disponibilizar 48 unidades.

Serão selecionadas Organizações da Sociedade Civil para fazerem a gestão localizados na Rua das Hortas, nº 270, Rua dos Craveiros, 122, Rua de Santaninha, 418, Rua da Palma, 247, e Avenida. Magalhães de Almeida, 167.

Já a segunda etapa do Programa Adote um Casarão contará com quatro editais para seleção individualizada de imóveis na região. “Aprendemos com a primeira etapa do Programa, que faz mais sentido lançar os editais do Adote um Casarão individualizados por imóvel, agilizando todo o processo”, explicou Rubens Júnior ao detalhar o procedimento de seleção.

Com os editais, os empreendedores maranhenses dos mais diversos ramos poderão ter acesso a locais para o desenvolvimento dos seus negócios, sejam eles para fins lucrativos ou sociais. Os imóveis estão situados na Rua Rio Branco, nº 297, Rua Grande (antiga SEDUC), RFFSA (Restaurante) e Rua Direta, nº 156.

Balanço da primeira etapa

Com investimentos de R$ 149 milhões, a primeira etapa do Programa Nosso Centro, marca uma mudança de paradigma da região onde está localizado o Centro Histórico de São Luís. De Acordo com Rubens Júnior, as ações já implantadas nos mais diversos polos de ações, terão impacto positivo na reorganização espacial da cidade no período pós-pandemia.

“Somente com a implantação do Projeto Adote um Casarão, investimos R$ 12 milhões já destinados a implantação de nove propostas nos mais diversos setores econômicos. Onde antes tínhamos casarões desocupados, agora teremos espaços de empreendimentos para gerar emprego, renda e movimentação econômica da região”, disse.

Rubens acrescentou a importância da parceria entre várias secretarias e instituições da sociedade para tornar possível o avanço do Nosso Centro.

“Por determinação do Governador Flávio Dino, esse conjunto de esforços tornou possível a parceria entre diversos setores da sociedade para rearticular a ocupação desse espaço. Quando a pandemia passar, teremos tudo pronto para que a população usufrua da melhor forma”, reforçou o secretário.

Ações em todos os polos

Além do Programa Adote um Casarão, Rubens detalhou a implantação de outros projetos dentro do escopo dos polos Habitacional, Tecnológico, Cultural, Turístico e de Lazer, Comercial e Gastronômico, além do Polo Institucional.

A recuperação do Edifício João Goulart, garantiu investimentos de R$ 40 milhões na região, com espaço moderno para servidores públicos de sete secretarias estaduais. O Estacionamento público implantado no Aterro do Bacanga, atendeu o aumento da demanda local e melhorou sensivelmente a mobilidade urbana na área.

Já o Comitê de Segurança do Centro Histórico de São Luís, integra as diferentes forças que representam o sistema de segurança para desenvolver ações específicas que que estão melhorando as políticas públicas do programa. Houve, ainda, a ampliação do contingente da polícia militar, com incorporação de 80 novos policiais.

O Programa Cheque Minha Casa Centro, por sua vez, já beneficiou 304 famílias moradoras da área, com material de construção para garantir melhores condições de habitabilidade a suas casas.

Prefeita Paula Azevedo visita estúdio de TV e acompanha gravação das aulas do projeto “Paço Educando em Casa”

A Prefeita em exercício de Paço do Lumiar, Paula Azevedo (PCdoB), visitou na tarde desta sexta-feira (29), um dos estúdios da TV Alternativa, local onde estão sendo gravadas as aulas do projeto “Paço Educando em Casa”. O projeto que é uma parceria com a emissora de televisão e chega para garantir aulas aos estudantes da rede municipal de ensino que estão impedidos de retornar às escolas por conta da pandemia do novo coronavírus (COVID-19).

Acompanhada do Secretário Municipal de Educação de Paço do Lumiar, Marcos Ferreira, a prefeita acompanhou todo o processo de gravação das aulas. Ela também conversou com professores e com o diretor da TV Alternativa, Wagner Silva.

“Esse é um projeto fantástico que chega para ajudar os estudantes da rede municipal. O objetivo é atender os nossos estudantes que, neste momento, estão impedidos de frequentar as aulas presenciais. Conversei com os professores e eles também estão animados com o projeto, está sendo uma novidade para eles também. Todo o projeto foi viabilizado pela secretaria municipal de educação, através de parcerias e voluntariado. Quero agradecer a TV Alternativa pela parceria”, disse a Prefeita Paula.

Paço Educando em Casa

Através do projeto, videoaulas estão sendo gravadas com os professores e serão transmitidas pela TV Alternativa no seu canal 19.1 HD. A programação será veiculada de segunda a sexta-feira a partir das 7 da manhã, com reprise às 21h. As aulas ficarão disponíveis também na plataforma Youtube, no canal oficial da Prefeitura de Paço de Lumiar.

“Essa foi a forma e o compromisso da Prefeitura para com os seus alunos e professores, neste momento tão adverso, para que nossos discentes não tivessem maior prejuízo. Cabe ressaltar ainda, que as aulas televisionadas em hipótese alguma substituem ou substituirão o professor (a) em sala de aula”, destacou o secretário municipal de educação, Marcos Ferreira.

O projeto não tem nenhum custo para a prefeitura, o que prova, mais uma vez, o bom relacionamento da Prefeita Paula Azevedo.

“A TV Alternativa está dando sua contribuição e ajudando na educação do município de Paço do Lumiar. Temos uma grande audiência em todo o município e nada mais justo do que ajudar os estudantes, que também são nossos telespectadores”, comentou o diretor da TV Alternativa, Wagner Silva.

Prefeitura de Codó inicia obras de pavimentação em ruas da Trizidela

Na manhã desta quinta-feira, 28, a Prefeitura Municipal de Codó, começou a realizar a terraplanagem base para o recebimento da massa asfáltica, no Bairro Trizidela. De início a primeira a ser contemplada será a Avenida Cristóvão Colombo, numa extensão complementar de 400 metros. Logo após serão às Ruas: Tancredo Neves, Afonso Cunha, Avenida Pantanal e Rua Palotina. Também serão feitos melhoramentos e reestruturação da segunda Travessa Cristóvão Colombo e da terceira Travessa Cristóvão Colombo.

O prefeito de Codó, Francisco Nagib, acompanhado do secretário Roberto Albuquerque e equipe, foi visitar o início das obras, que beneficiarão importantes vias da Trizidela. “Já estava planejado para que logo que acabasse o inverso nós iríamos começar as obras de pavimentação em vários bairros da cidade. prla determinação do nosso prefeito , hoje estamos realizando este ponta pé inicial das obras de pavimentação das ruas aqui na Trizidela”.

Os moradores e comerciantes da Trizidela elogiaram a iniciativa, pois a obra irá melhorar a trafegabilidade na região. “Esta obra era esperada há muito por todos nós. Esse complemento do asfalto era muito necessário aqui na Avenida Cristovam Colombo e também a pavimentação das outras ruas. Isso vai melhorar o acesso, acabar com a poeira e valorizar os imóveis. É uma conquista para nós”, relatou Jorge Luís, empresário e morador da Trizidela.

Estamos focando muito no combate ao Coronavírus, mas também estamos trabalhando e todas as frente, na educação, agricultura e também na infraestrutura. Agora com o fim do período de chuvas estamos retomando as obras de pavimentação em nossa cidade. E aqui na Trizidela os moradores estavam ansiosos por essa conquista”, concluiu o prefeito Nagib.

Pedro Fernandes segue fortalecido para disputar a prefeitura de Arame

O petebista conta com o apoio da maioria dos vereadores da Câmara Municipal e segue recebendo nos adesões a cada dia

Pré-candidato a prefeito de Arame, o ex-deputado federal conta com longa experiência na vida pública para atrair investimentos para o município

O ex-deputado federal e atual suplente da senador, Pedro Fernandes (PTB), segue mostrando que experiência e habilidade faz muita diferença na vida pública, e deve levar isso para transformar a vida da população de Arame, caso seja eleito em outubro.

Pré-candidato a prefeito do município, Pedro Fernandes é considerado o nome forte e representa para população, uma nova alternativa, já que historicamente, os eleitores tinham apenas duas opções de voto no município de pouco mais de 30 mil habitantes.

Com credibilidade e apontado como homem de palavra, Pedro Fernandes conseguiu fortalecer o PTB Municipal e conta com o apoio da maioria dos vereadores da Câmara Municipal.

Além dos sete parlamentares, o ex-deputado federal conseguiu no último ano, a adesão de importantes lideranças locais.

Presente e futuro

Sem tempo a perder, o petebista não tem esperado as eleições para mostrara trabalho, e em encontros locais, tem demonstrado que com a experiência que carrega, é possível trazer investimentos que mudarão a vida da população do município.

Dentre eles, tramita na Codevasf –  Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba, órgão ligado ao Ministério da Integração Nacional, projetos executivos para implantação do sistema coletor e de tratamento de esgotos da sede municipal e sistema de drenagem de águas pluviais, pedido do ex-deputado Pedro Fernandes.

Preocupados com a força do petebista, os adversários já começaram a espalhar fakenews envolvendo o nome do pré-candidato a prefeito, que segue forte, aguardando as convenções para iniciar a campanha em Arame.