Duarte Júnior age com má-fé contra a população de São Luís

Derrotado na eleição de 2020, o deputado Duarte Júnior (PSB), voltou a agir com má-fé, ao fazer postagem na qual dá a entender que a Prefeitura de São Luís permaneceu inerte em relação a greve dos rodoviários, que deixou São Luís sem ônibus nesta quinta-feira (21).

Motivado pela emoção e com a única tentativa de causar prejuízo político ao prefeito Eduardo Braide (podemos), Duarte Júnior faltou com várias verdades.

A primeira, em relação ao aumento da passagem, Duarte não disse, por exemplo, que de maneira corajosa e em defesa dos trabalhadores de São Luís, Braide garantiu que não haverá aumento de passagem.

A segunda, que antecipadamente, a Justiça já havia determinado que 90% dos ônibus deveriam circular, mesmo com greve, o que foi desobedecido pelo Sindicato.

A terceira, que, assim que a Prefeitura de São Luís tomou conhecimento do não cumprimento da decisão judicial, nas primeiras horas dessa quinta-feira (21) a Procuradoria Geral do Município acionou a Justiça do Trabalho, para que os ônibus voltassem a circular imediatamente, com 100% da frota.

É assim, com oportunismo, má-fé e faltando com a verdade, que Duarte Júnior segue tendo que engolir derrota para Eduardo Braide.

Para refrescar a memória

Em 2016, quando ainda era o presidente do Procon, Duarte Júnior chegou a notificar o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de São Luís (SET) e o Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário no Maranhão (Sttrema), durante greve em São Luís. O caso gerou repercussão após o presidente do TRT dizer que o Procon/MA “Pirou”.

Agora que o comando do órgão de defesa dos consumidores está nas mãos de sua esposa, a advogada Karen Barros, nada foi feito

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *