Bombeiros do Maranhão viajam para Rio Grande do Sul

“Para nós é uma honra e sabemos que estamos indo para uma missão muito importante, na qual todo o país está unindo esforços para ajudar. E esse é nosso dever. Queremos somar nessa ação humanitária pelo Rio Grande do Sul e levar alento a esta população que está sofrendo”, enfatizou o major Bruno Gonçalves, integrante da equipe de bombeiros maranhenses que viajaram para o estado gaúcho, neste domingo (5). Ele e mais 11 militares vão se unir na força-tarefa nacional em auxílio aos atingidos pelas enchentes que assolam a região. A previsão é que, na quarta-feira (8), a tropa chegue no estado gaúcho.

A equipe saiu da 16ª Companhia Independente de Bombeiro Militar, área do Terminal da Ponta da Espera, com aparato de três cães de resgate e uma série de  equipamentos específicos para este tipo de combate. Outros sete militares maranhenses que compõem o tropa da missão, já estão no estado gaúcho. Eles vão atuar diretamente no resgate de pessoas das áreas de inundações e enxurradas.

O comandante-geral do CBMMA, coronel Célio Roberto, destacou a preparação dos militares para prestar este apoio e levar a solidariedade do Maranhão à população gaúcha. “São militares treinados e com experiência neste tipo de missão. Já estiveram em ocorrências semelhantes em Minas Gerais, Pernambuco, Bahia e Rio de Janeiro. É urgente a necessidade do Rio Grande do Sul e o Maranhão se une nessa corrente de solidariedade, trabalhando na operação para auxiliar os afetados por este desastre que atinge a região”, frisou.

No conjunto de equipamentos que serão utilizados pelos bombeiros maranhenses nas operações no Rio Grande do Sul, estão materiais específicos para missões deste porte, entre estes, barraca de acampamento, bote inflável com motor, equipamentos de mergulho, além de itens para uso em águas rápidas como coletes especiais, flutuadores, cabos para ancoragem, monóculo termal, roupa especial de mergulho, entre outros). E ainda, foram disponibilizadas embarcações, van e viaturas tipo pick-up.

“Estamos indo para uma região que precisa do nosso apoio e destacamos efetivo capacitado e experiente, para desempenhar seu trabalho com êxito. Vamos manter a segurança em mente, trabalhar em equipe e fazer o nosso melhor para ajudar os atingidos pelas enchentes no Rio Grande do Sul”, destacou o comandante do Batalhão de Busca e Salvamento (BBS), major Wenzel Nicácio, que coordena a equipe maranhense na missão.

Os bombeiros mobilizados para a operação têm vasta experiência no trabalho em ocorrências deste porte. Eles estiveram em operações na cidade de Brumadinho, Minas Gerais (2019), combatendo enchentes na Bahia (2021 e 2022), nas operações de combate a deslizamentos em Petrópolis, no Rio de Janeiro, e em Recife, ambas em 2022.

Para o tenente Luzinaldo Colins, que faz parte da equipe, o momento é de mostrar o verdadeiro espírito de solidariedade e coragem dos bombeiros. “Estamos indo para uma situação desafiadora, mas, juntos somos mais fortes. Vamos ajudar essa população a se recuperar tentar minimizar esse momento de dificuldades”, frisou.

“Sabemos que as pessoas estão enfrentando momentos difíceis devido às enchentes. Nossa missão é trazer esperança e auxílio. Vamos fazer o nosso melhor para aliviar o sofrimento daqueles que foram afetados”, ressalta o tenente Jeferson Pontes, que também estará na missão.

A presença dos bombeiros maranhenses na região vai durar enquanto houver necessidade do auxílio. A corporação conta com mais de 90 militares especializados, que estarão de prontidão para serem destacados ao apoio humanitário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *