Polícia Federal na mira de grupo de “Empresários das licitações de Colinas”

O município de pouco mais de 40 mil habitantes virou a sede de um grupo de meia dúzia de amigos que descobriram o pote de mel de prefeituras maranhenses e montaram empresas de fachada na cidade.

De acordo com informações repassadas ao editor do blog, os “amigos empresários” ostentam vida de cinema, com Iates, casas em Barreirinhas, carrões de luxo, mansões, mulheres e viagens internacionais de dá inveja a qualquer bilionário.

Tudo isso, de acordo com o bojo das investigações, com dinheiro público, fruto de contratos milionários e quase nenhum serviço prestado.

Na quadrilha tem de tudo, de pirâmideiro, que investe em moedas digitais como bitcoin, apostas ilegais e até advogado, que deixou a profissão para investir em empresas que oferecem todos os tipos de serviços para prefeituras do Maranhão, como locação de carros e caminhões que não existem, empresas de iluminação pública que não prestam serviços, e recuperação de vicinais, negócio lucrativo e fácil de lavar dinheiro público.

 

O seu endereço de e-mail não será publicado.