Maura Jorge descarta lockdown em Lago da Pedra

Para conter o novo aumento do número de casos de Covid-19 em Lago da Pedra, a Prefeitura vai adotar novas medidas de combate à pandemia e proteção à vida. A apresentação foi feita pela prefeita Maura Jorge nesta segunda-feira (15), em entrevista coletiva transmitida ao vivo pelas redes sociais, ao lado da secretária de Saúde, Almiralice Mendes, Candido Henrique responsável pelo CTC, dos vereadores Thiago Sá, Ariel Marinho, Valmir Bento, Gian Araújo, secretário adjunto da Saúde e da diretora do Hospital Municipal, Luma Barreto.

A prefeita Maura Jorge garantiu continuar se empenhando incansavelmente junto à toda sua equipe para combater à pandemia, mas também pede a compreensão de toda a população.

“Farei tudo o que estiver ao nosso alcance para enfrentarmos essa pandemia, mas contamos com a colaboração dos cidadãos e com medidas verdadeiramente eficazes. Lockdown não é o caso. Desde o nosso primeiro dia de mandar que estamos nas ruas conscientizando a população, abrindo leitos para Covid-19, barreiras sanitárias, testagem em grande volume, criamos o Centro de Tratamento à Cpvid-19, adicionamos o protocolo gratuito de tratamento precoce, aumentamos no nosso efetivo profissional, restringindo horários de funcionamento, realizaremos recursos para o setor, faremos aquisição de nova ambulância e mais equipamentos hospitalares. Enfim, estamos fazendo tudo o que é possível ser feito, mas lockdown foi um medida frustrada em todo o país e que não aceitaremos em Lago da Pedra”, disse.

Maura também fez um apelo aos vereadores que fazem oposição ao seu governo para que esqueçam as divergências políticas.

“Diante da forte onda de COVID-19 que atinge Lago da Pedra, fiz um apelo aos nossos vereadores da bancada de oposição para que deixemos as divergências de lado e lutemos juntos em favor do povo. Nossos projetos estão parados na Câmara pelo fato de os excelentíssimo vereadores não comparecerem às sessões. É momento de humanidade, de doação ao próximo e de priorizarmos o que mais importa: A vida do nosso povo”, completou.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *