Braide descarta filiação ao PSL

Em conversa rápida com o editor do blog Maramais, o deputado federal eleito Eduardo Braide (PMN) descartou a sua ida para o PSL, partido do presidente eleito Jair Bolsonaro.

Braide explicou que neste momento iniciou-se as conversas entre os lideres do PMN e do PHS, que caminham para uma fusão numa tentativa de sobrevivência, já que não atingiram a cláusula de barreira e ficarão sem tempo de tv e sem acesso ao fundo especial partidário, principal oxigênio dos partidos.

O presidente nacional do PHS, Eduardo Machado também iniciou conversação com pelo menos mais dois partidos nanicos, PRP e PPL.

A manifestação de Braide se deu após tomar conhecimento de matéria publicada pelo jornalista Glaucio Ericeira em seu blog, que informou que o convite foi feito pelo presidente estadual da sigla no estado, o vereador Chico Carvalho, que falou ao vivo durante o programa Ponto e Vírgula, da rádio Difusora FM, nesta segunda-feira, 29.

Braide confirmou o convite mas descartou qualquer possibilidade de filiar-se ao PSL. “O Momento é muito delicado, e não há possibilidade de irmos para um partido governista.” Concluiu o deputado.

O seu endereço de e-mail não será publicado.