Eudes Sampaio perde mais um aliado para Beto das Vilas

Aliado ao grupo de Eudes e Luís Fernando há mais de 16 anos, o ex-vereador e ex-secretário de Cultura Edson Calixto abandonou o “barco”, após suposta traição no caso que ficou conhecido como “Deixa disto, agora é Eudes e Calixto”.

Cotado como nome para compor chapa com o atual prefeito, Calixto chegou a se reunir com pré-candidatos do PROS em sua residência até lançou o slogan da pré-campanha para vice, que logo caiu nas redes da WEB.

Sentindo-se traído por ter sido trocado por Tiago Fernandes (PP), nome indicado por Luís Fernando, Calixto voltou para as Vilas, onde mantém um sítio há décadas.

Agora, ao lado de Beto, Calixto tem reunido seu grupo para revelar a verdadeira faceta de Eudes.

Quem já participou dos encontros com o ex-secretário de Cultura garante, o homem tá com gás total para ajudar a tirar o prefeito do comando do município.

Após tramar com Eudes, Edson Calixto lança pré-candidatura a vice-prefeito

No dia em que o ex-prefeito Luís Fernando comemora mais um aniversário, o prefeito Eudes Sampaio, cada vez mais distante do seu ex-chefe, deu um verdadeiro presente de grego ao agora quase ex-amigo.

Após tramar tudo com o ex-secretário de Cultura, Edson Calixto, e bem distante para parecer que não sabia de nada, foi confirmado na manhã deste sábado (25), o anúncio do nome de Edson Calixto como pré-candidato a vice-prefeito na chapa que deve ser encabeçada por Eudes Sampaio.

O anúncio foi feito pelo próprio Edson Calixto, durante reunião minguada com alguns pré-candidatos ao cargo de vereador pelo PROS.

Presidido pelo ex-jardineiro e ex-vereador Reinaldo da Silva, o PROS, que recentemente perdeu na justiça a tentativa de evitar a divulgação dos números das pesquisas feitas pela Data Iha que revelam a grande rejeição de Eudes Sampaio, pode ser o responsável final pelo racha definitivo no grupo.

Reinaldo, que ocupa o cargo de administrador do Estádio Dário Santos, função ligada à secretaria de Cultura, que era comanda por Edson Calixto, deve disputar o cargo de vereador mais uma vez.

Com o anúncio, o ex-secretário Tiago Fernandes (PP) deve anunciar nos próximos dias o lançamento do seu nome como pré-candidato a prefeito de São José de Ribamar.

Tiago, inclusive, teve seu nome cogitado a substituir o do atual prefeito, em levantamento feito pela MBO Marketing, Publicidade e Pesquisa. O resultado, segundo analise da intenção de votos e da rejeição, supera o desempenho do atual prefeito.

A chapa deve esquentar..

Kadu Ribeiro denuncia suposta manobra em edital da cultura de São José de Ribamar

O artista ribamarense Kadu Ribeiro usou suas redes sociais, na manhã desta sexta-feira (12), para fazer uma grave denúncia contra a Secretaria de Cultura de São José de Ribamar, atualmente comandada por Paulo Leite, que ficou no lugar do ex-secretário Edson Calixto, que deixou o cargo para cumprir a legislação eleitoral.

De acordo com o artista ribamarense, o edital foi publicado no site da prefeitura após o encerramento do primeiro dia de inscrição, que aconteceu no dia 10 e disse haver claros indícios de maracutaia para beneficiar aliados políticos. “Pessoal bom dia, eu sou Kadu Ribeiro, resolvi gravar esse vídeo aqui para denunciar o edital do São João em São José de Ribamar. Tá bem claro que ali tem maracutaia para beneficiar os apadrinhados políticos. O edital foi lançado na noite do dia 10, dia 11 é feriado, amanhã é sábado e depois domingo, e a inscrição termina na segunda-feira (15). Me diz aí se o artista tem tempo de levantar uma lista de documentos nesse tempo corrido? Não tem como! Fica aqui minha nota de repúdio”, disse indignado.

Misteriosamente, o edital foi publicado no site da prefeitura somente após encerrar o primeiro dia de inscrições e tendo o segundo dia como feriado.

No site da prefeitura, é possível verificar que o edital só foi tornado público apenas às 18.01h do dia 10, por tanto, após encerrado o primeiro dia de inscrições, que segundo o documento, acontecerá do dia 10 ao dia 15 de junho, sempre das 8 às 17hs.

O artista também lembrou que no dia 11 o município decretou ponto facultativo em decorrência do feriado de Corpus Christi, e que na prática, os interessados terão apenas a sexta e a segunda para providenciar uma lista gigantesca de documentos, que deverão ser autenticados e entregues na Secretaria de Cultura.

Ponto facultativo no segundo dia de inscrição

Para Kadu, está claro que o edital foi publicado com a intenção de passar despercebido pela classe artista e beneficiar supostos aliados políticos da gestão do prefeito Eudes Sampaio, que podem ter sido informados antecipadamente.

Até o momento, o Edital ainda não foi publicado em nenhuma edição do Diário Oficial do Município ou em qualquer Jornal de grande circulação.

Atualização.

O blog achou, depois de muita busca, uma publicação suplementar no Diário Oficial do dia 09 de junho. 

Edson Calixto confirma que será o vice na chapa de Eudes Sampaio

O ex-secretário de Cultura, Edson Calixto, já confirma a aliados mais próximos e a representantes da Cultura Ribamarense que foram assistidos pela pasta nos últimos anos, que será candidato a vice-prefeito.

Para um desses aliados, Calixto confidenciou que o feito é uma vitória contra Luís Fernando, já que o ex-secretário se diz enganado pelo ex-prefeito em outras eleições. “Perguntei a Calixto se ele seria candidato a vereador, e ele me respondeu que venceu a batalha contra Luís Fernando, e até que enfim será o candidato a vice-prefeito em São José de Ribamar, feito que deveria ter ocorrido nas três vezes que Luís Fernando disputou a prefeitura, mas foi deixado de lado pelo ex-prefeito.” Disse o aliado de primeira hora do ex-Secretário de Cultura.

Nos últimos dois meses, Calixto intensificou suas conversas com os vereadores da base do prefeito Eudes Sampaio, virando uma espécie de porta-voz do prefeito, coordenando cada ato dos parlamentares e conseguiu, entre outros feitos, impulsionar o distanciamento dos parlamentares, do ex-prefeito Luís Fernando.

Foi de Calixto, por exemplo, o incentivo para instalação da CPI da Saúde, com objetivo de pressionar Eudes a demonstrar publicamente o distanciamento do ex-prefeito Luís Fernando. Com o feito, o caminho para Calixto tornou-se mais fácil.

Ou não, já que na Câmara, está cada vez mais forte a corrente para criação da CPI da Cultura, que pode abrir a caixa preta e revelar contratos milionários realizados na Secretaria comandada por Calixto nos últimos anos, entre eles, a enxurrada de apresentações feitas pela banda Os Iguais e que pode complicar a vida do pré-candidato a vice-prefeito.

O blog tomou conhecimento de um dossiê onde uma banda teria se apresentado mais de 15 vezes em apenas 10 dias, fazendo jus ao nome, já que todos os dias a atração igual a do dia anterior.

Leia também: Suspeita de fraude em licitação no São João pode ter movimentado milhões em São José de Ribamar

Eudes Sampaio promove pior São João da história de São José de Ribamar

Fazendo dupla com o desgastado secretário de Cultura Edson Calixto (PV), o prefeito Eudes Sampaio (PTB) tem decepcionado os ribamarenses. Quem buscou o arraial da Sede, por exemplo, saiu frustrado, a exemplo do que aconteceu ano passado.

Arquibancada e mesas vazias, a programação escolhida pelo prefeito e seu auxiliar tem gerado prejuízos para os barraqueiros.

Diferentemente do São João promovido pelo prefeito Eudes, que já é considerado o pior da história do município, o que tem prejudicado até artistas locais, que tem se apresentado para um público muito pequeno, uma ótima opção para os ribamarenses é o Arraial promovido pelo Shopping Pátio Norte, que além de atrações culturais locais, conta com artistas renomados, tudo isso gratuitamente.

Só para se ter uma ideia, o Arraial do Pátio Norte já teve Mesa de Bar, Bruno Shinoda, Brasas do Forró entre outros. E no sábado, 29, uma multidão deve comparecer para conferir o show de Farró Sacode.

Se o Pátio Norte faz tudo isso de graça, porque será que a Prefeitura faz questão de oferecer uma programação fraca, mesmo gastando centenas de milhares de reais?

São João: Suspeita de fraude em licitação pode ter movimentado milhões em São José de Ribamar

Secretário de Cultura, Edson Calixto e o prefeito Eudes Sampaio

O blog recebeu uma denúncia gravíssima sobre um suposto esquema para fraudar as contratações de Associações Culturais para o São João no município de São José de Ribamar.

De acordo com o vasto material recebido pelo blog, o esquema funciona da seguinte forma.

As agremiações são usadas como plataforma política durante o período eleitoral, e logo em seguida, o presidente é nomeado como funcionário comissionado da prefeitura.

Por ter o presidente como funcionário da prefeitura, esse “Boi”, “Bloco de Carnaval” e “Danças” ficam legalmente impedidos de celebrar contrato com a prefeitura, conforme estabelece o inciso III do artigo 9º da Lei 8666/93, que veda ao servidor público participar de licitações realizadas pela entidade em que atua.

Para fraudar a licitação, sob suposta orientação de servidores da Secretaria de Cultura, os presidentes das Associações Folclóricas usam uma terceira Entidade para participar da licitação, e assim receber o dinheiro público.

Outra fraude seria a criação de Grupos Culturais que não existem sequer no papel, mas recebem por terceiros.

Segundo a denúncia recebida pelo Blog, o Ministério Público já foi informado de todos os detalhes, com dados dos presidentes, atos de nomeação, e CNPJ das entidades vedadas e das entidades que estão sendo usadas no esquema.

Se comprovada a fraude, o valor movimentado pode superar a cifra de R$ 1 milhão de reais.

Leia também:

Câmara deve convocar Secretário de Cultura de São José de Ribamar para explicar contratos “mirabolantes”

Câmara deve convocar Secretário de Cultura de São José de Ribamar para explicar contratos “mirabolantes”

A Câmara de Vereadores de São José de Ribamar pode aprovar na próxima semana, Requerimento de Convocação para que o Secretário de Cultura, Edson Calixto compareça ao legislativo para esclarecer alguns contratos.

Segundo o blog apurou, antes do prefeito Eudes Sampaio (PTB) “conquistar” maioria da Câmara, um levantamento minucioso foi feito por alguns vereadores, que identificou inconsistência em diversos contratos assinados pelo Secretário Municipal.

Os vereadores também pretendem ouvir do Secretário, o motivo do Seletivo feito para a pasta ter virado uma verdadeira novela.

Dentre os documentos que o editor do blog teve acesso, existem indícios graves de irregularidades.

Pelo visto, este será o primeiro teste de fogo do prefeito Eudes Sampaio, para ver se a maioria está ou não com ele.

Se o requerimento for parar na gaveta, a população ribamarense saberá o resultado.

Vamos aguardar!

Confira a relação de Blocos e quanto cada um vai receber da Prefeitura de São José de Ribamar

Blocos de São Luís, Paço do Lumiar estão entre os agraciados, que também conta com blocos tradicionais, como o Urso Caprichoso da Cidade Alta, que foi contemplado com R$ 8 mil reais.

A prefeitura de São José de Ribamar divulgou a relação dos blocos e os respectivos valores que cada um irá receber. Primando pela transparência, vamos divulgar a relação detalhada, que também pode ser conferido através do link do Diário Oficial, e a Programação com o dia de apresentação de cada Bloco clicando aqui.

No total, serão mais de R$ 241 mil reais, distribuídos entre grupos selecionados pelo Secretário de Cultura, Edson Calixto.

Grupos tradicionais que não rezaram na cartilha do prefeito na última eleição, ficaram de fora do apoio cultural. Já outros, foram criados recentemente e receberam valores vultuosos. Tem casos até de Blocos Fantasmas, que receberam mais sequer aparecem na Programação Oficial divulgada pela Prefeitura. Confira e compartilhe!

Bloco Afroaruanda – Responsável: Entidade Afro Aruanda – R$ 9 mil reais

Bloco Os Sublimes Folia – Responsável: Entidade Afro Aruanda –  R$ 2 mil reais

Tambor de Crioula 100% Cultura – Responsável: Ass. Cultural e Esportiva de Ribamar – R$ 3 mil reais

Bloco Cidade Nova Folia –  Responsável: Ass. Dos Moradores e Agricultores da Cidade Nova – R$ 2 mil reais

Tambor de Crioula Alto São Benedito – Responsável:  AssociaçãoFolc. E Cultural Alto de São Benedito – R$ 4 mil reais

Bloco Só Não Vale Vaia – Respons. Associção Só Não Vale Vaia – R$ 5 mil reais

As Rupnéias – Responsável: Associação As Rupnéias – R$ 4 mil reais

Grupo de Samba Unidos Ritmistas – Responsável: Bloco Alternativos Unidos Ritmistas – R$  10 mil reais

Brincadeira do Urso Caprichoso – Responsável: Associação do Urso Caprichoso – R$ 8 mil reais

Nesses Kweres – Responsável: Cia Cultural BNK – R$  10 mil reais

Bloco de Reggae Filhos de Jah – Responsável: F P de Almeida Jr – R$ 4 mil reais

Bloco Reque Folia – Responsável: Grupo de Dança Reque Brasil – R$ 4 mil reais

Se Arruma Mais Não Sai – Responsável: Leonel Alves e Alves – R$ 4 mil reais

Bloco Tradicional Os Inacreditaveis – Responsável: Sociedade Recreativa Os Inacreditaveis – R$ 10 mil reais

Bloco Rio Grande Folia – União dos Moradores do Rio Grande Paço do Lumiar – R$ 1.200,00

Escola de Samba Império Serrano – Grêmio Recreativo Império Serrano – São Luís – R$ 22 mil reais

Bloco UER Folia – Responsável:  União dos Estudantes Ribamarenses – R$ 2 mil reais

Bloco Cordão do Ponto G – Associação Cultural Cordão do Ponto G – R$ 3.200,00 reais

Bloco Itapari – Responsável: Instituto Panaquatira – R$ 4 mil reais

Os Inocentes – Responsável: Associação Celebrai – R$ 1.200,00

Afrodidara – Responsável: Associação Vida Cultura e Arte – R$ 9 mil

Bloco Coça Com Leão – Responsável: Associação Vida Cultura e Arte – R$ 2 mil

Xeirinho de Xériz – Responsável: Bloco Xeirinho de Xériz – R$ 12 mil

Bloco Z Folia: Responsável: Bloco Xeirinho de Xériz – R$ 3.200,00

Bloco Carnabairros – Responsável: Cia Cultural da Matinha – R$ 10 mil reais

Os Esfarrapados da Matinha – Responsável: Cia Cultural da Matinha – R$ 5 mil

Bloco Vai Vai Bandida – Resp. Marcodes Alvaro – R$ 2 mil

Bloco Arrastão da Vila Sarney Filho II – Resp. Adriana Cristina Candido de Maria – R$ 4 mil

Bloco As Frangas – Resp. Rita de Cássia Camara – R$ 2 mil

Bloco da Alegria – Responsável: Wilson Monroe – R$ 1.200,00

Bloco da Muriçoca – Resp. Messias Silva Carvalho – R$ 1.200,00

Bloco da Paizinha –  Resp. Maria da Paz Serra Abreu – R$ 1.200,00

Bloco do Barroca – Resp. Reinaldo dos Reis Ribeiro Jr – R$ 1.200,00

Bloco dos Amigos – Resp. Idelmir Correia Trindade – R$ 1.200,00

Bloco É Nois Que Bebe – Resp. Ana Luiza de Lemos – R$ 1.200,00

Bloco Encosta Que Ele Cresce – Resp. Orlando Higo Santos Miranda – R$ 1.200,00

Bloco Furação Folia – Resp. Romilson Costa Leite – R$ 2 mil

Bloco Homens Por UM Dia – Resp. Irenilde da Costa Lima – R$ 1.200,00

Bloco Independentes do Kakareko – Resp. Antônio Fábio – R$  5 mil

Bloco Jeguerê – Resp. Tonizete de Fátima Lima – R$ 3.200,00

Bloco Los Ciganos – Resp. Claudia de Jesus – R$ 2 mil

Bloco Me Beija – Resp. Joana da Silva Costa – R$ 2 mil

Bloco Os Cú de Cana – Resp. Maria do Rosario da Costa Torres – R$ 1.200,00

Bloco Os Virgens – Resp. Luis Charlisson Nunes Pinto – R$  2 mil

Bloco Recanto Folia – Resp. Flávio Almeida Henrique – R$ 1.200,00

Bloco Rolo Entranado – Resp. Nilson José Melo – R$ 1.200,00

Bloco Sopa Na Lata – Resp. Cristiano Braga dos Santos – R$ 1.200,00

Bloco Os Diferenciados da Renascer – Resp.Josileia Castro Reis – R$ 4 mil

Bloco Vai Que Cola – Resp. Márcio Pinto Machado – R$ 2 mil reais

Bloco Vem Que É Nois – Resp. Carlos Luis Monroe Rodrigues – R$ 2 mil

Bloco Raposinhas – Resp. Messias Sá Menez – R$ 3.200,00

Bloco Amigos D+.com – Resp. Rinaldo Farias dos Santos – R$  5 mil

Bloco Sò K Nela – Resp. Markus Vinicio Ribeiro Martins – R$ 1.200,00

Bloco Morro de Fome Mais Não Trabalho – Resp. Wander de Jesus Nascimento – R$ 2 mil

Bloco Choppiradus – Resp. Alexssandro Ramos dos Santos – R$ 1.200,00

Bloco Mulheres Por UM Dia – Resp. Raaimundo Alves de Sousa – R$ 1.200,00

Bloco Chora É Logo – Resp. Eduardo Santos Castro – R$ 1.200,00

Bloco Segura Tcheu Corpo – Resp. Sidiney da Silva Jr. R$ 1.200,00

Bloco Cafeteira Folia – Resp. José Eliomar Ferreira de Jesus Jr – R$ 1.200,00

Bloco As Piranhas – Resp. Sivaldo Ferreira Santos – R$ 4 mil

Bloco Unidos da Vila – Resp.  Ferdinand Pacheco SIlva – R$  2 mil

Bloco Os Tops do SL – Resp. Tatiane Santos – R$  2 mil

Bloco Quem Me Importa Tá Mordido – Resp. Luciene de Jesus dos Santos Amorim – R$ 1.200,00

Bloco Mocoto de Fora – Resp. Hervilson Nascimento Santos – R$ 1.200,00

Bloco Chega + K – Resp. Ana Cleude Vieira dos Santos – R$ 1.200,00

Unidos de Santana – Resp. José Temistocles – R$ 4 mil

Bloco Reação – Resp. Arcangela Cristina Ferreira Lima – R$ 3.200,00

Bloco Uroca Folia – Resp. Taynara Silva de Oliveira – R$ 1.200,00

Bloco Mix Movimentação – Resp. Clarissa Guimarães de Olveira Freire – R$  4 mil reais.

Exclusivo: Confira as atrações do Carnaval 2019 em São José de Ribamar

Luís Fernando promete fazer o melhor carnaval de todos os tempos.

Mais uma vez o blog Maramais revela com exclusividade as atrações do Carnaval em São José de Ribamar, que este ano terá quatro dias de festas, começando  dia 02 de março, no sábado de carnaval e vai até dia 05, na terça-feira. Mas a festa não termina por aí, no sábado e domingo, 09 e 10, será realizado o tradicional Lava-Pratos.

O Secretário de Cultura Edson Calixto fez uma seleção especial para este ano.

Abaixo, a relação de todas as bandas que animarão o carnaval Ribamarense e quanto cada uma receberá como cachê da prefeitura, que este ano, com as contratações destas bandas, gastará cerca de R$ 327 mil reais só com cachê, conforme publicação no Diário Oficial, confira. No total, com segurança, infraestrutura, palco, som e iluminação, este valor deve superar a marca de meio milhão de reais.

Este ano a Banda Reprise será a grande atração do Carnaval, e também receberá o maior cachê, R$ 24 mil reais. Nos bastidores, a banda era tida como certa, já que tem relações de amizades antigas com o Secretário Edson Calixto.

Por falar em Calixto, ele foi decisivo na exclusão de artistas ribamarenses, e inclusão de artistas que estreiam no palco durante o carnaval deste ano, e o peso para inclusão foi apenas a ligação próxima com o secretário.

No total, 42 bandas animarão o carnaval ribamarense, muitas delas, desconhecidas do público. Outras, figurinhas carimbadas. Mas também tem muitos artistas bons do município, como a talentosíssima Alessandra Santos, dentre outros … confira a lista completa abaixo, e comente o que você achou.

Alessandra Santos; R$ 8 mil

Banda Xamego Sensual, R$ 4 mil

Banda Dá 1 Rollé, R$ 10 mil

Banda do Jacaré, R$ 10 mil

Oberlan e Banda Embala Brasil, R$ 5 mil

Banda Play na Balada, R$ 7,5 mil

Banda Scorpions, R$ 7,2 mil

Vânia e Vanessa, R$ 7,5 mil

Patrick e Banda, R$ 10,8 mil

Reinaldinho e Banda, R$ 12,5 mil

Banda Energia, R$ 13 mil

Garotinho Show, R$ 3 mil

Banda As Rupneias, R$ 10 mil

Allysson Ribeiro e Banda, R$ 4 mil

Manoel Baião de Dois, R$ 4 mil

Banda Vadiê, 18 mil

Rayanne Passos e Banda, R$ 6 mil

Banda Regional Fênix, R$ 14 mil

Seresta Top, R$ 5 mil

Grupo Cobra, R$ 5 mil

Gargamel e Banda, R$ R$ 7 mil

Banda os Iguais, R$ 10 mil

Grupo Samba de Boa, R$ 7,2 mil

Warllysson Diniz e Banda, R$ 3 mil

Mariana Rosa e Banda, R$ 4 mil

Dudu N´Gandaya, R$ 7,2 mil

Batida Quente, R$ 2 mil

Bicho Terra, R$ 8 mil

Livia Amaral e Banda, R$ 3 mil

Banda Reprise, R$ 24 mil

Flávia Bittencourt, R$ 8 mil

Anderson Love, R$ 6 mil

Banda 360 Graus, 4,5 mil

Banda Novas Emoções, R$ 3 mil

Fran Moreira, R$ 5 mil

Banda Top 10, R$ 1,5 mil

Gil Balada Vip, R$ 1,5 mil

Josy Batista e Banda, R$ 1,5 mil

Explosão do Arrocha, R$ 1,5 mil

Inês Maranhão, R$ 8 mll

Banda Dayle Som, R$ 4 mil.

E aí, o que achou da Programação? Deixe seu comentário.

Desorganização decepciona público em Reveillon de São José de Ribamar.

Publico passou a virada do ano em silêncio. Empresa contratada por quase R$ 3 milhões falho logo na virada do ano.

O Reveillon promovido pela prefeitura de São José de Ribamar foi marcada por muita desorganização e reclamação geral dos ribamarenses que foram até a orla, acompanhar a virada do ano.

Por volta das 22hs, ainda no inicio da festa, o som do palco parou de tocar e assim ficou até depois da virada do ano. Já era quase 01h00 da manha, quando o som voltou a tocar. A empresa que prestava serviço de som e palco foi contratada no inicio do ano, por quase R$ 3 milhões de reais.

Para animar ou tentar animar o público que resistiu a tamanha falta de organização da Secretaria de Cultura, comandada pelo ex-vereador Edson Calixto, foram contratadas três bandas.

A que recebeu o maior valor foi a já conhecida Banda Reprise, exatos R$ 15 mil pela apresentação. O ex-candidato a vereador pela coligação do prefeito Luis Fernando, Gargamel, foi contratado por R$ 10 mil e o grupo Ribamarense Samba de Boa foi o que recebeu o menor cachê, R$ 3.800,00 pelo show.

Queima de fogos às 23hs.

Outro ponto que gerou muita reclamação foi a queima dos fogos, que começou misteriosamente as 23hs horas. Nas redes sociais, os ribamarenses não perderam o bom humor. “O tocador de fogos tava acompanhando a queima de fogos do Rio.” Brincou um internauta.

Cais Fechado

Mais frustração na área do Cais. Anunciado pelos divulgadores da prefeitura que o Reveillon seria muito seguro, com 300 agentes de seguranças, o secretário de cultura Edson Calixto que preside o comitê do Cais mandou fechar o local para o publico, o que deixou muita gente desapontada. O documento foi assinado pelo Secretário de Trânsito, Daniel Pereira de Souza.

“Vim de São Luís para contemplar a virada do ano do Cais e chegamos aqui, estava fechado. O aviso diz que é por questões de segurança, mas isso é só aqui, porque em São Luís e em outros locais, não existe isso. Decepcionante.” reclamou o turista Daniel Matos.

Reveillon na fila.

Enquanto ribamarenses se desapontavam com a virada do ano desorganizada na Orla Marítima, pais de crianças do Residencial Turíuba já estava decepcionados com a gestão do prefeito Luis Fernando (PSDB) e passaram a noite da virada na fila, assim como aconteceu no ano passado, na esperança de conseguirem vagas para os filhos.

“Isso é uma falta de respeito com os pais de crianças aqui do Turiuba, alguém precisa fazer alguma coisa por nós.” Lamentou a dona de casa Mariana Gomes.