Campanha de vacinação contra Influenza/H1N1 será retomada em São Luís nesta segunda-feira (30)

Será retomada  nesta segunda-feira (30), em São Luís, a campanha de vacinação contra a gripe Influenza/H1N1.  A vacina continua sendo ofertada ao público-alvo prioritário, idosos acima de 60 anos, crianças de 6 meses a menores de 6 anos e profissionais de saúde, mas com estratégias diferentes.  A Secretaria Municipal de Saúde (Semus) organizou um cronograma para evitar a aglomeração e as pessoas serão imunizadas em ordem alfabética, conforme a letra do primeiro nome.  Também será montado um esquema de drive thru para atender exclusivamente idosos, que funcionará na área de prova do  Departamento  de Trânsito  do Maranhão – Detran.

A vacinação não ocorrerá nas Unidades de saúde, ao invés disso, será inicialmente em 12 escolas. O público idoso será vacinado no período da manhã, das 8h às 12h. Já as crianças serão vacinadas no turno da tarde, de 13h às 17h.

Os postos de vacinação desta nova etapa da campanha funcionarão exclusivamente nas seguintes unidades de ensino:

– Colégio Militar Tiradentes, na Vila Palmeira
– IEMA Centro
– UEB Ronald Carvalho (anexo)
– UEB Padre Newton Pereira
– UEB Rosália Freire
– UEB Rubem Almeida
– UEB Cruzeiro do Sul
– UEB Laura Rosa
– UEB Júlio Mesquita
– UEB Ana Lúcia Chaves Fecury
– UEB Neiva Moreira
– UI Nascimento de Moraes

O cronograma de vacinação será o seguinte:

– Dia 30/03: idosos e crianças cujo nome começa pela letra A
– Dia 31/03: idosos e crianças cujo nome começa pelas letras A e B
– Dia 01/04: idosos e crianças cujo nome começa pelas letras A e B
– Dia 02/04: idosos e crianças cujo nome começa pelas letras C e D
– Dia 03/04: idosos e crianças cujo nome começa pelas letras C e D
O cronograma com as demais letras será informado em breve, mas está garantido, segundo a Secretaria de Estado da Saúde, as doses para vacinação de todos.

O drive thru, para vacinação exclusivamente para idosos, ocorrerá na Avenida do Contorno do Complexo Castelinho, na área de provas do Detran.

O atendimento será das 8h às 16h e o cronograma de vacinação será o mesmo das unidades de ensino, por isso, seguindo a inicial do nome.

As unidades de saúde estarão voltadas para vacinação em domicílio apenas os idosos da sua área de influência, conforme programação.

Equipes volantes atenderão aos idosos que tenham solicitado o atendimento domiciliar e que estão em áreas sem Unidades Básicas.

Também será feito o atendimento em condomínios (somente para idosos e crianças de 6 meses a menores de 6 anos) que tenham solicitado o serviço.

Profissionais de saúde serão vacinados conforme cronograma de estabelecimentos de saúde, priorizando rede hospitalar e serviços de urgência/emergência.

Urgente: Morre professor do IFMA de São José de Ribamar; Suspeita de H1N1, Pneumonia e Coronavírus

Morreu neste domingo (23), um professor do IFMA de São José de Ribamar. Segundo informações de amigos, o discente sofreu uma crise respiratória na terça-feira (16), e desde então, vinha tentando se recuperar.

Na madrugada do sábado para domingo (22), o quadro clínico se agravou. O professor chegou a ser socorrido e internado em uma UTI, e acabou falecendo às 18hs deste domingo.

A pedido da família, que está muito abalada, o blog não citará o nome do professor. Ainda de acordo com amigos, o professor sofria de diabetes.

Está sendo aguardado os resultado dos exames para confirmar o motivo do obtivo, dentre as suspeitas, diabetes, pneumonia, H1N1 e coronavírus.

São José de Ribamar é uma das 40 cidades com casos suspeitos de Covid-19

Coronavírus: Paciente suspeita de coronavírus trabalhava com “público alto” diz assessoria de imprensa de São José de Ribamar

O assessor de imprensa da Prefeitura de São José de Ribamar se pronunciou, através de grupos de whatsapp, sobre o caso que está sendo monitorado pela SES – Secretaria de Estado da Saúde, de uma paciente com suspeita de coronavírus na cidade balneária.

Na tentativa de acalmar os participantes de diversos grupos, o assessor acabou causando mais pânico, ao informar que a paciente com suspeita de coronavírus é uma pessoa que trabalha com um “público alto”, sugerindo que antes de ter sido isolada, a paciente teve contato com um número incalculável de pessoas, o que pode ter espalhado o coronavírus ou H1N1 no município.

“Sem pânico, a pessoa foi testada para H1N1, mas por se tratar de alguém que trabalha com um público alto, orientou-se testar também para o COVID-19. A paciente está em isolamento e em observação. Todos os cuidados estão sendo providenciados.” Disse o assessor de imprensa da Prefeitura de São José de Ribamar.

H1N1

De acordo com boletim oficial da Secretaria de Estado da Saúde, 15 casos já foram confirmados para H1N1 no Maranhão em 2020.

Também foi registrado 01 óbito por H1N1 e outras quatro mortes estão sendo investigadas.