Pesquisa com suspeita de direcionamento em Paço do Lumiar deve ser impugnada

Pesquisa realizada pelo instituto Econométrica em apenas um dia em Paço do Lumiar e que teria entrevistado em menos de 24hs, 433 eleitores, deve ser alvo de representação nas próximas horas.

De acordo com os dados informados ao TSE, o levantamento feito em tempo recorde aconteceu no dia 06 de março, data de inicio e término da pesquisa.

Registrada nesta quarta-feira (13), se não for impugnada, a pesquisa poderá ser divulgada a partir do dia 19, próxima terça-feira.

Além do tempo recorde para rodar mais de 20 bairros do município em um único dia, cerca de 12hs, especialistas apontam a tentativa de direcionar o eleitor a apenas dois nomes, excluindo indevidamente, o nome do empresário Francisco Neto (NOVO), o que pode ter como resultado manipulação de resultados.

Como todos sabem na cidade, Francisco Neto é pré-candidato a prefeito pelo Novo, com apoio do ex-candidato a governador Lahésio Bonfim (Novo), que na última eleição obteve mais de 14,9 mil votos na cidade, ficando em segundo lugar no município com 26,41% dos votos.

O próprio Francisco Neto, além de pré-candidato a prefeito, participou da eleição municipal em 2020, quando seis candidatos disputaram a eleição, que teve como resultado, a atual prefeita Paula Azevedo reeleita, Fred Campos em segundo, e Francisco Neto em terceiro. Karla Maria, Bamal do Iguaiba e Edinaldo Moura completam o ranking do resultado da eleição de 2020.

Agora, em um ato claro de tentativa de direcionamento de respostas, o Instituto Econométrica excluiu o nome de Francisco Neto do cenário, como é possível ver no questionário informado ao TSE. (confira o questionário completo aqui)

 

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *