Eleitor de Linielda de Eldo se diz envergonhado depois da fraca Convenção, e inicia debandada

Uma verdadeira debandada deve começar a acontecer após arregada histórica do grupo da prefeita Linielda de Eldo no município de Matinha. De acordo com o  eleitor que fala no áudio, a “amarelada” vai fazer muita gente abandonar o barco.

“Eu nunca senti vergonha, como senti vergonha hoje. Um grupo com o poder na mão, e ficou covarde em fazer uma passeata. Enquanto todo mundo queria, todo mundo esperava, e ninguém fez. Eu tô muito chateado! Eu tô saindo do grupo justamente por isso, porque eu não gosto de grupo covarde. Quando eu entro, é pra ganhar. Eu tô tão decepcionado, que vocês nem imaginam o quanto. Todo mundo pedindo para fazer a passeata e não, não, não vamos fazer. Amanhã, hoje o comentário vai ser grande, que a gente não teve povo para botar na rua. Olhamos a deles (Passeata gigante de Dr. Emano), e foi bonita, e a gente ficou hoje com medo de fazer. Argumentamos que o pessoal tava bêbado. E não foi isso, foi medo mesmo. Eu tô tão decepcionado que eu tô saindo do grupo.” Disse um agora ex-eleitor de Linielda.

Entenda..

Em Matinha, é tradição os grupos políticos levarem seus eleitores para as ruas em uma espécie de disputa de quem faz a maior passeata durante as Convenções, mostrando sua força para o município.

No sábado (05), durante o ato que homologou o registro de candidatura de Dr. Emano (PDT) e Eliane de Beto Pixuta, milhares de pessoas foram às ruas mostrar a força da união do grupo, que conta hoje com três ex-prefeitos e centenas de lideranças.

A passeata foi tão impressionante, que parece ter metido medo no “pingado” de gente que esteve na convenção de Linielda, alguns, com suspeita de estarem bêbados, segundo o áudio do agora ex-eleitor.

Ontem, após a arregada do grupo da prefeita, espontaneamente, outra multidão se fez presente na porta da casa do ex-prefeito Beto Pixuta, marido da candidata a vice-prefeita na chapa de Dr. Emano.

Se depender das manifestações populares, já sabemos quem sairá vencedor no dia 15 de novembro.

Vestígio de irregularidade leva a suspensão de licitação de medicamentos em Matinha

O Município de Matinha, localizado na região da Baixada Maranhense e comandada pela prefeita Linielda de Eldo (PCdoB), suspendeu o procedimento licitatório referente ao Pregão Presencial nº 37/2018, ocorrido as vésperas do Reveillon, data em que a maioria das prefeituras estavam em recesso.

A suspensão acolheu a recomendação do Ministério Público que identificou vestígio de irregularidades, entre eles, a ausência de publicidade do edital no site da Prefeitura, contrariando a legislação, especialmente a Lei de Acesso à Informação.

A gestão municipal acatou a manifestação da Promotoria de Justiça da Comarca de Matinha e mudou a data de recebimento das propostas para o dia 15 de janeiro de 2019.

O MPMA tomou conhecimento das irregularidades no certame por meio de informações repassadas pelo Centro de Apoio Operacional da Probidade Administrativa e pela Controladoria Geral da União.

Olinda Nova e Matinha declaram apoio a Gil e Glalbert Cutrim

Os municípios de Olinda Nova do Maranhão e Matinha, localizados na região da Baixada Maranhense, declararam apoio à candidatura de deputado federal do ex-prefeito de São José de Ribamar, Gil Cutrim (PDT).

Gil e o seu irmão, o deputado estadual Glalbert Cutrim (PDT), candidato à reeleição, participaram de grandes atos de campanha nas cidades.

Além de lideranças políticas e comunitárias, eles receberam diversas manifestações de carinho por parte dos moradores.

Em Olinda Nova, a ex-prefeita Conceição Cutrim e o seu grupo político arrastaram uma multidão durante uma carreata que percorreu várias vias do município.

Conceição destacou o trabalho de Gil e Glalbert, além de ressaltar que os irmãos são filhos da Baixada Maranhense.

“Olinda e a Baixada estão com os irmãos Cutrim. São dois políticos jovens, compromissados e que irão continuar trabalhando pelo desenvolvimento da região”, disse.

Em Matinha, Gil e Glalbert Cutrim participaram de uma grande caminhada organizada pelo ex-prefeito Beto Pixuta.

Pixuta, vereadores e outros lideranças foram unânimes ao confirmar que os candidatos a deputado federal e deputado estadual são legítimos representantes da Baixada, além de terem serviços concretos prestados à região.

“Gil foi presidente da FAMEM, defendeu a municipalidade e os interesses das cidades. Glalbert, na Assembleia, foi um exemplo de representante de nosso povo, pleiteou inúmeros benefícios para a região. Por isso, Matinha dizem SIM para Gil e Glalbert”.

“Não tenho a mínima condição de votar em Flávio Dino”, afirma ex-prefeito de Matinha

A ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) segue se movimentando no tabuleiro político com vistas as eleições majoritárias de 2018.

Lideranças do município de Matinha, na região da Baixada Maranhense, estiveram, esta semana, com a peemedebista e declararam apoio a sua pré-candidatura ao Palácio dos Leões.

Participaram do encontro, realizado em São Luís, o ex-prefeito Beto Pixuta (PDT); os vereadores Júnior Pereira (PTN), Rosiolete Brito (PSDB), Marlio de Zé Mário (PRB), Ulisses (PDT) e Tom (PSDB); além dos ex-vereadores e ex-candidatos ao cargo de prefeito e vice-prefeita, Zequinha do Amaral e Maria de Jesus, respectivamente.

“Não tenho a mínima condição de votar em Flávio Dino. Quando fui prefeito, infelizmente, nunca fui prestigiado pelo governo”, afirmou Beto Pixuta.

De fato, o grupo comandado pelo ex-prefeito tem toda a razão de estar indignado com o governador comunista.

Durante o mandato de Pixuta, Dino levou para Matinha uma única obra de relevância.

Tratou-se da construção da estrada ligando a sede da cidade ao povoado de Itans, maior polo psicultor do Maranhão.

Os serviços, iniciados em 2015 e anunciados pelo comunista com todas as pompas, passaram todo o ano de 2016 – justamente quando Beto tentava fazer o seu sucessor – paralisados.

Paralelo a isso, Flávio Dino ignorou o fato de Pixuta ser seu aliado e declarou publicamente apoio a candidatura da agora prefeita Linielda de Eldo, do PC do B.

Linielda vem executando uma gestão pífia que desagrada 100% dos matinhenses.

Mas isso é assunto para uma próxima postagem.

Com informações de Glaucio Ericeira

Glalbert Cutrim solicita conclusão da Estrada do Peixe pelo Governo Dino

O deputado estadual Glalbert Cutrim (PDT), protocolou indicação nesta quarta-feira (09), na Assembleia Legislativa, solicitando ao Governo Flávio Dino que retome as obras de pavimentação e urbanização da Estrada do Peixe, que liga o povoado de Itans à Sede do município de Matinha, na região da Baixada Maranhense.

De acordo com Glalbert, a obra foi paralisada por diversos motivos, dentre eles, as fortes chuvas que causaram sérios transtornos aos produtores locais, e que o período de estiagem proporciona o retorno e conclusão da obra.

“Compreendemos que as chuvas, principalmente este ano, foram muito mais intensas do que previam, por isso, solicito ao governador Flávio Dino, através da Secretaria de Infraestrutura, que aproveite esse período de estiagem para retomar a obra e concluir a pavimentação da tão sonhada Estrada de Itans”, destacou o deputado.

Considerado um dos maiores polos psicultores do Estado, o povoado de Itans conta com quase 100 produtores que produzem mais de R$ 1 milhão por mês, só com a venda de peixes. A pavimentação dos dezesseis quilômetros garantirá a redução no custo do transporte, além de facilitar a vida de mais de 10 mil moradores que vivem na área que compreende toda a extensão da estrada.