Parceria com Famem pode incluir mais 251 mil famílias do Maranhão no programa Tarifa Social

Mais de 928.000 famílias maranhenses tiveram benefícios econômicos com a implantação da Tarifa Social de Energia no Maranhão, promovido pela Equatorial, em parceria com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (SEDES) e a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem). Segundo dados da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), o Maranhão é o segundo melhor estado no Brasil em desempenho no Tarifa Social de Energia, com 79% de aderência, perdendo apenas para o estado do Piauí, que lidera o ranking.

Com o objetivo de ampliar o benefício, a Equatorial, SEDES e Famem, realizaram nesta quinta-feira, 25, a solenidade virtual de assinatura do Termo de Cooperação para a segunda etapa da campanha Tarifa Social de Energia e o reconhecimento dos municípios que se destacaram na primeira etapa.

Para o secretário executivo da Federação, Marcelo Freitas, que representou o presidente Erlanio Xavier, a parceria entre as instituições possibilitou a injeção de 321 milhões de recursos em meio à crise financeira e social, em virtude da pandemia.

“Foi muito importante essa parceria. A Equatorial, SEDES e a Famem não mediram esforços para garantir um grande número de beneficiários. Agora, em 2021, nós temos o desafio de sair da segunda colocação e alcançar a primeira posição no ranking e levar mais benefícios aos municípios maranhenses”, evidenciou.

O governador do Maranhão, Flávio Dino, participou da solenidade de forma virtual e acentuou que o trabalho foi positivo, beneficiando centenas de famílias maranhenses. “Conseguimos esse expressivo resultado de implantação da Tarifa Social de Energia no Maranhão, com benefícios econômicos para 928.000 famílias”, comemorou.

O presidente da Equatorial, Augusto Dantas, ressaltou a importância da ampliação do programa para alcançar e levar os benefícios para mais 251 mil famílias. “Queremos trabalhar ao longo do ano, mesmo com o distanciamento social, com as parcerias, esperamos avançar e alcançar mais famílias”, disse.

Augusto ainda lembra da facilidade em inscreve-se no programa. Segundo ele, a família precisa ter seu NIS, o número de inscrição social, ligar para o telefone 216 ou falar com a Clara pelo WhatsApp e fazer o seu pedido de registro. “Não custa nada, é automático, rápido e logo no mês subsequente, a pessoa passa a receber esse desconto”, explicou.

O presidente avisa que para saber se a pessoa tem o NIS ou se ele ainda está ativo, basta ligar para a Central de relacionamento do Ministério do Desenvolvimento Social: 0800 707 2003.

O secretário de Desenvolvimento Social, Márcio Honaiser, destacou os resultados obtidos por meio do programa e afirmou que mais de 206 mil pessoas podem perder o benefício se não atualizarem os seus dados.

“O ano de 2020 foi difícil com a pandemia do novo coronavírus. Mas precisamos continuar o trabalho para evitarmos que duzentas mil pessoas do Maranhão percam esses benefícios. Será ruim para eles e para a economia do estado”, alertou.

Honaiser ainda lembra que os municípios estão com novas administrações e devem se empenhar na mobilização do programa. “Após a assinatura do termo de cooperação da segunda etapa, vamos promover uma capacitação para os gestores que estão chegando agora para saber como fazer efetivamente o trabalho”, disse.

O cadastro precisa ser atualizado a cada dois anos junto ao CRAS ou à Prefeitura, pois a não atualização do cadastro leva a perda do benefício.De acordo com dados do Tarifa Social, no ano de 2020 mais de 157 mil famílias tiveram desconto na conta, um crescimento de 20% em relação a 2019. Esse número equivale em R$ 321 milhões injetados na economia do Maranhão.

Levando em consideração a evolução em pontos percentuais, o município de Davinópolis, da região sul, foi destaque. Em dezembro do ano passado, ela chegou a 87,01% de beneficiados. Já em relação a maior evolução em quantidade, a capital do Maranhão, São Luís teve destaque com 125.320 beneficiados.

Prefeitura inicia recuperação de ruas e avenidas de São Luís

O prefeito Eduardo Braide acompanhou, nesta quinta-feira (25), no bairro Chácara Brasil, o início da operação tapa-buracos que será realizada em ruas e avenidas de toda a cidade para melhorar a trafegabilidade e garantir mais segurança e mobilidade no trânsito de São Luís.

As equipes da Prefeitura trabalharão de forma simultânea em diferentes pontos, recuperando o pavimento nos bairros e nos principais corredores de tráfego. O Anjo da Guarda, na área Itaqui-Bacanga, também recebeu os serviços nesta quinta-feira.

“Iniciamos hoje uma grande operação de recuperação de ruas e avenidas da nossa cidade. Estou acompanhando o trabalho de perto aqui na Chácara Brasil. Também já estamos com equipes no Anjo da Guarda e vamos seguir com outras frentes trabalhando em outros bairros ao mesmo tempo. Com isso, vamos melhorar a fluidez do trânsito da nossa cidade, diminuir o tempo de deslocamento, principalmente para quem utiliza o transporte coletivo, e garantir mais segurança para condutores e pedestres”, destacou o prefeito Eduardo Braide.

No bairro Chácara Brasil, os serviços foram iniciados pela Avenida Brasil, uma das principais da região. A via está bastante comprometida e com diversos trechos esburacados. O trabalho que está sendo realizado consiste na retirada do asfalto antigo no entorno do trecho danificado para que seja feita a recuperação do pavimento com a aplicação de asfalto novo. O trabalho é feito de forma ágil para garantir que as equipes possam avançar para outras vias com rapidez. A recuperação das ruas e avenidas do Chácara Brasil é uma demanda antiga da comunidade.

Segundo o titular da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), David Col Debella, o trabalho iniciado hoje se estenderá por cerca de cinco meses para que ruas e avenidas de diversos bairros da cidade sejam recuperadas. “O avanço da operação dependerá muito do ritmo das chuvas, mas vamos aproveitar ao máximo os dias ensolarados, como hoje, para avançar com a colocação do novo asfalto pela cidade. Por isso, trabalharemos com até cinco equipes de trabalho simultâneas em diversas partes de São Luís”, explicou.

Os locais que receberão os serviços já foram definidos a partir de mapeamento feito pela equipe da Semosp em conjunto com a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT). Hoje, além da Chácara Brasil, as equipes da Prefeitura trabalharam na Avenida José Sarney, no Anjo da Guarda, área Itaqui-Bacanga; à noite, estarão nas avenidas Jerônimo de Albuquerque, Colares Moreira e Litorânea. Amanhã, os trabalhos começam no bairro Cidade Olímpica e se estenderão pela região da Cidade Operária.

Sob o comando de Francimar, Câmara de Ribamar tem o pior desempenho da Grande Ilha

Sem nenhuma experiência política e alheia as necessidades do município, a presidente da Câmara de São José de Ribamar, vereadora Francimar Jacinto (PL) conseguiu, no primeiro mês à frente da Casa Legislativa, obter o pior desempenho entre as Câmaras Municipais da Grande Ilha.

Para se ter uma ideia, até agora, a Câmara de Vereadores de São José de Ribamar teve apenas a sessão solene, o que tem deixado muito vereador indignado com a Presidente.

Inoperante, Francimar foi a única presidente de Câmara da Grande Ilha a conceder suspensão das Sessões durante o período de Carnaval e deve retornar hoje (25), com sessão remota.

“Uma grande bagunça até agora. A presidente não diz nada, apenas mandou um link para que a gente acesse a sessão de forma remota. A situação é tão bagunçada, que até agora não enviaram a pauta para nenhum vereador, então vamos entrar em um link sem saber quais matérias iremos tratar. O município tá aí, a população tá aí, esperando e confiando na gente para que façamos um bom trabalho, mas a Presidente Francimar não tem controle de nada.” Lamentou um vereador chumbo grosso.

Muito diferente da Câmara de São José de Ribamar, que patina sob a presidência da vereadora Francimar, as Câmaras dos demais municípios da Grande Ilha vão de vento em popa.

São Luís, por exemplo, sob a presidência do vereador Osmar Filho (PDT) 12 sessões ordinárias e votou pautas importantes como a criação da Secretaria da Pessoa com Deficiência e o Auxílio Municipal Emergencial, que garantirá ajuda aos agentes culturais.

Paço do Lumiar, que tem o vereador Fernando Muniz (PP) como presidente, já realizou quatro sessões e também votou pautas importantes para melhorar a vida da população.

Em terceiro lugar está a Câmara da Raposa, que apesar de ter iniciado seus trabalhos apenas no dia 15, em plena semana de carnaval, é um verdadeiro exemplo para a vereadora Francimar seguir. Por lá, a Câmara já começou a funcionar de forma itinerante, visitando os principais bairros e ouvindo a população de perto, além de manter canais importantes, como Portal da Transparência e TV Câmara, para a população acompanhar as Sessões.

Já a gestão da Presidente Francimar é o exemplo de retrocesso, com quase nenhuma atividade parlamentar, total falta de transparência e censura aos profissionais da Imprensa.

Para não ficarem no esquecimento, os vereadores aproveitam a lentidão e desorganização da presidente Francimar e atuam sozinhos, buscando demandas em órgãos do Estado e ouvindo as comunidades dos bairros.

Prefeito agradece bancada federal por recursos para construção de hospital em Pinheiro


Uma excelente notícia! O projeto foi aprovado na noite desta terça-feira (23), pela Bancada Federal do Maranhão, composta por senadores e deputados federais maranhenses.

O recurso no valor de 25 milhões estará disponível até meados deste ano de 2021, e a construção deve iniciar em seguida, com duração de 1 ano, a expectativa é de que a inauguração aconteça em 2022. Essa conquista é resultado da boa relação do prefeito Luciano com a esfera federal de Governo.

O Hospital de Amor será construído com recursos federais com a contrapartida da prefeitura de Pinheiro que já doou desde 2020 o terreno para a obra.

“Estou muito feliz com essa notícia, fruto de nossa incansável luta em busca de recursos e avanços para Pinheiro, quero agradecer de coração em nome da bancada federal composta pelos senadores e deputados federais do Maranhão, que nos presenteou com essa grande obra, que com toda certeza mudará a vida das mulheres pinheirenses. Um hospital dedicado à prevenção e tratamento oncológico da mulher sem dúvida nenhuma é uma conquista sem precedentes”, disse Luciano Genésio, prefeito de Pinheiro.

O Hospital de Amor é uma instituição responsável pelo tratamento, prevenção, reabilitação e pesquisa, relacionadas à área oncológica, direcionada a mulher, é uma entidade que busca a excelência no atendimento médico hospitalar, através de ações humanizadoras, constante aperfeiçoamento técnico e profissional.

Pinheiro não possui unidade de atendimento na área oncológica, quem precisa de tratamento ou diagnóstico especializado pelo SUS precisa se dirigir à capital São Luís.

Agora com essa unidade instalada em Pinheiro, os pacientes do município e região terão tratamento perto de casa, e o melhor, com a construção do hospital a cidade receberá também 2 carretas da mulher equipadas para atendimento oncológico que poderão ser deslocadas para cidades vizinhas.

Prefeito tenta viabilizar junto ao Governo mais vacinas contra Covid para o município de Godofredo Viana


O prefeito Sissi Viana (Republicanos), do município de Godofredo Viana, cumpre, desde o início desta semana, uma extensa agenda de compromissos em São Luís com o objetivo de ampliar as parcerias institucionais que beneficiem os godofredenses.

Ontem, Sissi esteve reunido com a coordenadora Estadual de Imunização, Halice Figueiredo, oportunidade na qual pleiteou junto à Secretaria de Estado da Saúde o envio para o município de mais doses da vacina contra o novo coronavírus.

Em função dos critérios de distribuição estabelecidos pelo Ministério da Saúde, Godofredo Viana recebeu, até o momento, pouco mais de 100 doses, que já foram destinadas aos públicos prioritários.

A reunião entre o gestor e a coordenadora foi importante por que tratou-se de uma primeira etapa que pode viabilizar o aumento do quantitativo de doses para a cidade e, desta forma, acelerar o processo de imunização da população.

Sissi Viana também reuniu-se recentemente com o secretário de Estado da Cultura, Anderson Lindoso.
Na ocasião, propôs uma parceria que resulte na construção em Godofredo Viana de uma Biblioteca Pública e uma Escola de Música.

Também participou dos encontros o secretário municipal de Saúde, Emanuel Coimbra.

A pedido de Penha, São Luís ganhará Central de Intérprete de Libras


O município de São Luís ganhará, em breve, a sua primeira Central de Intérpretes da Língua Brasileira de Sinais – Libras e Guias Intérpretes – direcionada para pessoas com deficiência auditiva.

A implantação do equipamento público, que será executada pela Prefeitura, foi um dos temas da reunião entre o vereador Raimundo Penha (PDT) e o titular da Secretaria Municipal Extraordinária da Pessoa com Deficiência, Carlivan Braga.

Na oportunidade, além de destacar a iniciativa do vereador de ter apresentado projeto de lei instituindo a Central, o auxiliar do prefeito Eduardo Braide (Podemos) informou que a sua pasta já iniciou o processo de discussão para instalação da CIL na capital maranhense.

A criação da Central de Intérprete de Libras é resultado de proposição feita por Raimundo Penha em 2019 e que foi aprovada pela Câmara Municipal de forma unânime.

O equipamento, de acordo com o projeto de lei de autoria do pedetista, deverá prestar tratamento diferenciado às pessoas com deficiência auditiva, oferecendo informações detalhadas, nos mais diferentes meios de comunicação, sobre o funcionamento dos serviços públicos municipais.

A Central deverá ser composta por intérpretes e guias-intérpretes que prestarão atendimento presencial. Os órgãos públicos deverão ser equipados com ferramentas que facilitem à comunicação com os servidores da Central, oferecendo ao público alvo um tratamento diferenciado e eficiente.

Durante a reunião, Penha e Carlivan também trataram sobre o projeto de lei, também de autoria do parlamentar, que garante o serviço de vacinação domiciliar para pessoas com deficiência e mobilidade reduzida na capital maranhense.

A matéria foi sancionada também em 2019 pelo então prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT).

A nova lei alterou dispositivos da lei municipal 5.970/15, ampliando o serviço de vacinação e contribuindo para beneficiar milhares de ludovicenses que, devido as suas limitações motoras, tem dificuldades de se deslocar até uma unidade de saúde, por exemplo.

As ações serão executadas pela Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde, que deverá montar a infraestrutura necessária para atender a demanda deste público.

Paula Azevedo anuncia reforma da Feira da Avenida 10

A prefeita Paula Azevedo (PCdoB), reuniu nesta segunda-feira (23), trabalhadores da Feira da Avenida 10, no Maiobão, para apresentar o projeto arquitetônico de revitalização do local.

No ato batizado de Diálogo com os Feirantes, a prefeita, que conhece muito bem a realidade dos feirantes, pois assim como a maioria, também é agricultora, apresentou as propostas para a completa reconstrução do local, ouviu as principais demandas e necessidades dos trabalhadores e foi muito aplaudida pela forma democrática como está conduzindo a gestão.

De acordo com Paula, o recurso para a obra, cerca de R$ 500 mil, já está garantido através de emenda parlamentar do deputado Duarte Júnior (Republicanos) e será executado por meio da Secretaria das Cidades, que tem como titular o deputado federal licenciado Márcio Jerry (PCdoB) e das Secretarias Municipais de Indústria e Comércio, e de Agricultura, Pesca e Abastecimento.

Feliz por realizar um sonho antigo dos moradores e feirantes de Paço do Lumiar, especificamente da região do Maiobão, Paula concluiu reafirmando seu compromisso com os agricultores. “Como agricultora, sei das dificuldades enfrentadas, por isso, saibam que continuarei lutando por vocês.” Disse.

SMTT alerta escolas para o prazo de recadastramento ao benefício da meia passagem em São Luís

A Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) alerta para o prazo final em que escolas, universidades, cursos e unidades de ensino cadastradas no Sistema de Meia Passagem Estudantil (SMPE) têm para recadastrar os estudantes de São Luís.

Das 639 instituições do banco de dados do órgão, apenas 71 enviaram as informações necessárias para atualização da relação de alunos com direito ao benefício. O prazo final para o envio das informações termina no dia 5 de março e não haverá prorrogação da data.

O levantamento foi repassado pela Central do Estudante, administrado pela Prefeitura de São Luís, por meio da SMTT. De acordo com secretário municipal de Trânsito e Transportes, Cláudio Ribeiro, é importante que as escolas fiquem atentas ao prazo para a validação dos dados, uma vez que o não recadastramento implicará na perda do benefício e mais de 300 mil estudantes de São Luís poderão ficar sem poder utilizar o cartão de meia-passagem nos sistemas de transporte público urbano e semiurbano.

“A SMTT tem utilizado os meios de comunicação, sites e redes sociais oficiais da Prefeitura para convocar as escolas para a validação dos dados dos alunos, de modo a garantir o benefício da meia passagem atende estudantes do ensino fundamental, médio, técnico, profissionalizante, de cursos pré-vestibulares, superior e educação de jovens e adultos, desde que estejam devidamente matriculados e frequentando uma instituição com sede no município de São Luís”, explicou o secretário.

Devido ao cenário atual, que é de reforço às medidas de combate e prevenção à Covid-19, a Central do Estudante disponibilizou o endereço eletrônico cartaoestudantilslz@gmail.com, para que os representantes escolares possam enviar a documentação solicitada, sem que haja a necessidade do deslocamento até a Central.

O superintendente de Transportes, André Rodrigues, disse que a preocupação do Município foi oferecer alternativas diante do cenário da pandemia, para que faça valer o direito à meia passagem ao estudante. “Além do e-mail, em caso de dúvidas sobre como enviar os dados solicitados, o representante escolar pode entrar em contato com a Central pelo número (98) 98523-3675 e agendar um horário para a entrega da documentação no local. O importante é que a classe estudantil não fique sem a validação de seus dados e perca o benefício”, ponderou.

Márcio Jerry mais próximo dos prefeitos maranhenses

Na data em que se comemorou o dia do municipalismo, o titular da Secid – Secretaria de Cidades e Desenvolvimento Urbano do Maranhão, deputado licenciado Márcio Jerry (PCdoB), mostrou que está com gás para levar ações aos mais diversos municípios, ficando assim muito mais próximo dos prefeitos maranhenses.

Em sua agenda municipalista, como chamou, Jerry recebeu o prefeito de Pastos Bons, Enoque Mota (PTB), a quem anunciou o início de uma parceria que resultará na modernização e ampliação do sistema de iluminação pública da cidade,

Logo em seguida, recebeu o jovem prefeito de Cachoeira Grande, César Castro, e também anunciou parcerias importantes que beneficiarão a população local.

Sem intervalo, seguiu o dia atendendo prefeitos e sinalizando com ações imediatas para os municípios de Peri Mirim, Governador Edson Lobão, Chapadinha, São Francisco do Brejão, Junco do Maranhão, Mirador, Dom Pedro, Amarante e Santa Filomena

Entre as principais ações que serão realizadas, estão construções de Praças e pavimentação de ruas.

Homem de confiança do governador Flávio Dino (PcdoB), Márcio Jerry deve ficar na vitrine até o ano que vem, quando o cenário eleitoral ficará definido.

André Fufuca viabiliza recuperação da BR-222 entre Vitória do Mearim e Santa Inês

O deputado federal André Fufuca (PP), viabilizou, diretamente com o presidente Jair Bolsonaro, a recuperação total da BR-222, no trecho entre os municípios de Vitória do Mearim e Santa Inês.

No vídeo, o parlamentar pede ao presidente que olhe pelos mais de 400 mil maranhenses que moram no Vale do Pindaré, região composta por 12 municípios, entre eles, Alto Alegre do Pindaré, Bela Vista do Maranhão, Bom Jardim, Bom Jesus das Selvas, Buriticupu, Igarapé do Meio, Monção, Pindaré-Mirim, Santa Inês, Santa Luzia, São João do Carú e Tufilândia.

Ao receber a solicitação do parlamentar, Bolsonaro garantiu que atenderá o mais rápido possível.

Em contato com o blog, Fufuca antecipou que os trabalhos para garantir a trafegabilidade dos 70 km serão iniciados na próxima semana e que assim que as chuvas pararem, serão feitos os serviços definitivos de reconstrução da rodovia federal.