Brandão atropela Flávio Dino, “não preciso de autorização”

O vice-governador Carlos Brandão (Republicanos), mostrou, durante ato solene para assinatura da ordem de serviço de construção de uma unidade do programa Escola Digna, no município de Coelho Neto, que já está começando a engrossar o pescoço.

Ao ouvir do prefeito municipal Bruno Silva (PP), o pedido para que o vice-governador conhecesse as instalações do Mercado Municipal, que está em condições precárias, e levasse a demanda para que o governador Flávio Dino (PCdoB), incluísse o pedido nas ações do Governo e autorizasse a reforma, Brandão, com seu estilo coroné de ser, se antecipou. “Não preciso pedir autorização para Flávio Dino, eu mesmo autorizo a obra”. Disse Brandão, na tentativa de agradar os correligionários do prefeito.

A jogada, política, soou como arrogância e não passou de um clichê ultrapassado já que para inciar uma reforma, precisa sim da autorização do governador.

Lento e desavisado, além de chegar no município após o Brasil todo já conhecer as ações da professora Erica, e o Maranhão inteiro já saber o que o Governador Flávio Dino tinha autorizado ser feito na cidade, Brandão esqueceu que o prefeito municipal é aliado de primeira hora do senador Weverton Rocha (PDT), nome mais cotado para vencer as eleições em 2022.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *