Karla Batista é peça principal em escândalo de corrupção revelado na imprensa nacional

A ex-prefeita do município de Vila Nova dos Martírios, Karla Batista, é apontada como a peça principal em um esquema de corrupção que envolve mais de R$ 13 milhões de reais, que deveriam ser utilizados em programas de educação em 26 cidades participantes do CIM – Consórcio Intermunicipal Multimodal.

Karla é presidente do consorcio que recebe recurso da Vale e de acordo com o programa Repórter Record Investigação, comandou fraudes no esquema chamado de “Trê lê ê da corrupção”, suspeito de superfaturar compras de livros, café e lanches, além de cursos de Inglês e Libras”.

O programa mostrou que kits de três livros que custam R$ 35,00 reais foram licitados pelo valor de R$ 297,00. Na mesma licitação, só com lanches e cafezinho, o valor licitado ultrapassa os R$ 4 milhões de reais.

Veja o programa abaixo:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *