Lambança pode fazer PROS perder nove candidatos a vereador em Ribamar

Pelo menos nove candidatos ao cargo de vereador do partido PROS, em São José de Ribamar, enfrentam dificuldades para o registro de suas candidaturas. O blog fez uma consulta no processo individual de cada um, e verificou que a maioria já teve parecer do Ministério Público, pedindo o indeferimento do registro de candidatura.

Entre os candidatos que podem ficar fora da eleição, estão o presidente do partido, Reinaldo da Silva Ribeiro, que sofreu sua primeira derrota com parecer negativo da promotora Bianka Sekeff Sallem Rocha, que pediu o indeferimento por ausência de documentos. (Veja aqui).

O vereador de mandato Moisés Gama, que tenta a reeleição, também enfrenta dificuldade, e assim como Reinaldo, teve parecer contrário, também por ausência de documentos obrigatórios, entre eles, certidões negativas. (Veja o parecer do MP aqui)

O vereador Lázaro, que também tenta reeleição, também não entregou todos os documentos e foi intimado para sanar o problema. (Veja aqui).

Jornalista conhecido na cidade balneária, Nunes Colunista também deve ficar de fora da eleição, de acordo com o Ministério Público, por não ter filiação regular. A Promotora emitiu parecer pedindo o indeferimento do registro de Nunes Colunista ( Veja aqui )

Também enfrentam dificuldades os candidatos Ruy da Guarda Municipal (veja aqui); Zé Filho (Parecer pelo indeferimento); Messias da Banda Scorpion (Parecer pelo indeferimento); Luís Pereira (Parecer pelo indeferimento); Guterres (Veja o parecer aqui); Flamarion (Parecer do MP pede o Indeferimento) e Célia do Gás, que também teve parecer do MP pelo indeferimento.

Caso os nove candidatos fiquem de fora da eleição, restarão apenas 13 nomes que disputarão a eleição pelo PROS. De acordo com analise do blog, o partido deverá conquistar apenas uma vaga.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *