Candidatura de vereador que tenta reeleição em Ribamar é impugnada por analfabetismo

O vereador Lázaro, que tenta a reeleição em São José de Ribamar, teve o seu pedido de registro de candidatura impugnado na Justiça. (Veja aqui)

De acordo com o documento, Lázaro não apresentou declaração de próprio punho, atestando que sabe ler e escrever.

Na Impugnação, os advogados alegam que o analfabetismo é causa de inelegibilidade, motivo pelo qual protocolaram a impugnação do vereador.

No pedido de registro de candidatura, Lázaro apresentou apenas uma declaração digitada, supostamente assinada por ele mesmo, afirmando possuir o segundo grau completo. Curiosamente, em todas as outras eleições que o vereador disputou, atestou possuir apenas o ensino fundamental.

Segundo os advogados, para a declaração de que não é analfabeto ter efeito, deverá ser feita de próprio punho, na presença do juiz, para comprovar que o vereador sabe realmente ler e escrever.

Ficou mais pobre

Outro fato curioso, é a declaração de bens. De acordo com os documentos oficiais do Divulgacand, Lázaro afirmou possuir atualmente apenas R$ 75 mil em patrimônio.

Se comparado a eleição passada, Lázaro teve redução de R$ 400 mil reais, já que em 2016 declarou possuir patrimônio de R$475 mil reais.

Ausência de certidões negativas

O candidato também não apresentou todas as certidões negativas exigidas pela Justiça Eleitoral, motivo que deve complicar ainda mais sua situação. Segundo o Divulgacand, a certidão estadual de 1º grau de ações penais não foi emitida online, e o candidato terá que comparecer na Segunda Vara da Comarca de Itapecuru Mirim, para tentar resolver o problema.

O caso pode ter ligação com o episódio de 2008, quando o vereador Lázaro foi preso em flagrante pela Polícia Rodoviária Federal no KM 85 da BR 13. Em seu veículo, os policiais encontraram animais silvestres mortos, duas espingardas calibre 20, uma espingarda calibre 28, armadilha para pegar tatu e muita munição, como noticiou o Jornal da Mirante (Relembre).

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *