Inelegibilidade de Filuca Mendes teria sido articulada para forçar apoio a Leonardo Sá em Pinheiro

O ex-prefeito de Pinheiro, Filuca Mendes, está inelegível e não poderá disputar as eleições de novembro.

Ele já havia sido condenado a devolver cerca de 500 mil reais aos cofres da prefeitura de Pinheiro e teve seus diretos políticos cassados por cinco anos.

Este ano Filuca Mendes entrou como uma ação rescisória para tentar anular a condenação por improbidade, mas os desembargadores não aceitaram a ação, confirmando sua inelegibilidade.

Segundo informações, houve interferência externa para que o processo tivesse celeridade.

Nos bastidores, fala-se que a articulação para manter Filuca fora da disputa teria o objetivo de forçar o ex-prefeito a fazer uma aliança com o candidato Leonardo Sá do PL, que de acordo com os últimos levantamentos perdeu eleitor e parece empatado com Filuca Mendes.

No município, em conversas reservadas, interlocutores do ex-prefeito afirmam que não há possibilidade de uma aliança com Leonardo Sá.

O prefeito Luciano aprece nas pesquisas com larga vantagem com 52% contra 15 pontos de Leonardo Sá. Com Filuca fora da disputa essa diferença deve aumentar, uma vez que o deputado Leonardo é considerado forasteiro pela maioria da população de Pinheiro.

Do blog do Marcelo Vieira

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *