“Agora é a vez do bairro da Liberdade”, diz Yglésio sobre o Papi Comunidades

Proposta do Programa de Apoio à Primeira Infância transfere até R$ 200 por famílias com crianças de 0 a 6 anos em São Luís.

Nesta sexta-feira (04), o Papi Comunidades vai realizar encontro no bairro da Liberdade. O evento é ancorado pelo deputado estadual, Yglésio Moyses (PROS), que também é pré-candidato a prefeito de São Luís. Yglésio já ouviu as comunidades do Alto da Esperança, Divineia, Olho D’água, Vila Luizão, Cidade Operária, Camboa e Vila Embratel e conversou sobre um Pacto pela Primeira Infância.

“Eu perdi meus pais com 12 anos, eu não conheci nem pai nem mãe. Eu fui criada completamente sem pai, fui criada pela minha tia, fui crescendo ela me batendo… Deus sabe o que faz, porque na verdade eu não tive amor nem de pai nem de mãe”, esse forte depoimento foi da Mayara, moradora da Camboa, participante do Papi. Confira o vídeo nesta publicação.

Papi é a sigla de Programa de Apoio à Primeira Infância que, entre outras ações, transfere renda de até R$ 200 para famílias com crianças de 0 a 6 anos. A proposta foi protocolada na Assembleia Legislativa e faz parte do plano de governo de Yglésio Moysés, que tem convenção marcada para o próximo dia 11 de setembro.

“Visamos o respeito e o cuidado integral na primeira infância. Foi ouvindo essas mães-solo que concluímos que é necessário fortalecer ou restaurar o vínculo afetivo entre a criança, a família e a comunidade. Por isso, é necessário adotar medidas sociais preventivas e ampliar programas de atendimento às crianças na primeira infância em situações de vulnerabilidade e risco”, disse Yglésio Moyses.

O Programa de Apoio à Primeira Infância, ou simplesmente Papi, faz parte do Pacto pela Primeira Infância e é somente um braço de uma série de políticas públicas que Yglésio Moyses quer desenvolver em São Luís, caso logre êxito na eleição. “O Papi foi construído após ouvir as mães, especialistas e conhecer a realidade durante os meus mais de 15 anos militando como médico do SUS”, garante Yglésio.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *