Alô MPE: Funcionário da prefeitura transforma entrega de título de terra em comício eleitoral em São José de Ribamar

Ato administrativo da Prefeitura de São José de Ribamar virou uma espécie de comício

O evento promovido pela prefeitura de São José de Ribamar nesta quarta-feira (12), contou com a participação do cabo eleitoral conhecido como Dono do Mundo, que também preside a Associação dos Moradores do Bairro Alonso Costa.

Com a desculpa de entregas de títulos, o evento mais parecia um ato político e os próprios moradores que estavam no local e filmaram o “comício”, questionaram se já estavam fazendo campanha eleitoral.

Durante a fala do presidente da Associação, Raimundo Cantanhede Viana, o tal Dono do Mundo, que é funcionário da prefeitura e atualmente exerce o cargo de Assessor de Administrador Regional, o que se viu foi um verdadeiro comício, com pedido explicito para que os presentes não votem em outros candidatos.

Cabo eleitoral mais famoso no bairro, o presidente da Associação é conhecido por obter vantagens na prefeitura  após a vitória dos seus indicados, como indicações de empregos.

Presidente da Associação dos Moradores, além de cabo eleitoral mais conhecido do bairro, é servidor comissionado do município

Na atual gestão, foi Diretor do Centro Vila Alonso Costa, mas acabou sendo exonerado em novembro do ano passado após detectada irregularidade com a documentação da Associação onde funcionaria o Centro Social.. No site da Receita Federal, por exemplo, a entidade, fundada em 1995, encontra-se inativa desde fevereiro de 2019, aparentemente por desleixo com atos burocráticos.

Com mais de 15 anos de fundada, a Associação encontra-se inapta, de acordo com informações da Receita Federal

Para manter o vínculo, o prefeito Eudes Sampaio nomeou o cabo eleitoral para o cargo de Assessor de Administrador Regional, função que ocupa atualmente.

No vídeo, após tecer muitos elogios, como habitualmente faz em seus discursos, e fazer referencia a entrega de títulos, o assessor dispara, “Esse aqui é um grupo sério, o grupo de Eudes Sampaio. Eu peço para todo mundo uma salva de palmas para Eudes, para o grupo. Esse que é o grupo que trabalha gente. Vamos ajudar esse grupo. Esse grupo tem que continuar. Nós não pode ajudar quem cisca para trás. E quem já foi prefeito há quatro anos, fechou todo hospital, fechou o colégio. Nós não pode votar nesses candidatos que voltam para trás.” Diz parte do discurso, que é interrompido por uma moradora que grita “Tá fazendo campanha”.

O ato foi todo realizado com a estrutura da prefeitura e contou com a presença do prefeito, secretários, vereadores da base governista e assessores.

Resta saber agora, o que o Ministério Público Eleitoral acha de tudo isso

Confira o vídeo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *