Assessor de Comunicação do Prefeito Eudes Sampaio defende superfaturamento de 375% no álcool em gel

O Assessor de Comunicação do Prefeito Eudes Sampaio (PTB), entrou em uma polêmica envolvendo uma suposta compra de 800 unidades de álcool em gel. Em uma “briga” virtual com o ex-vereador Teté Vieira, que vem denunciando o suposto superfaturamento, o assessor do prefeito, que tem informações privilegiadas, deu a entender que está tudo dentro da normalidade na gestão municipal em relação ao contrato alvo da denúncia.

Teté fez acusações gravíssimas de um contrato de R$ 130 mil reais para aquisição de material hospitalar, dentre eles, 400 unidades de álcool em gel  com preço de R$ 37,80 cada unidade de menos de meio litro e outras 200 unidades de álcool em gel, galão de 5 litros, ao preço de R$ 234,10.

Segundo pesquisa realizada pelo ex-vereador em supermercados da capital, o valor do contrato estaria com superfaturamento de 323% na unidade de 440gr e de 375% nos galões de 5 litros.

O blog fez a mesma pesquisa e encontrou os mesmos produtos por R$ 11,70 o álcool em gel de 440gr e por R$ 62,39 o galão de 5L, confirmando as denúncias contra a gestão do prefeito Eudes Sampaio.

Defesa do assessor agradou apenas o prefeito, mas não convenceu a população de São José de Ribamar

Em resposta as graves denúncias, o imberbe Assessor de Comunicação respondeu ao ex-parlamentar. “Você sabe mais que eu como funciona essas questões. Os preços oferecidos no supermercado não são os mesmos para licitação.” Disse.

Teté retrucou, “Nos supermercados, vendem em unidade, nas licitações, por quantidade, por isso, esse valor deveria ser ainda bem menor do que os do supermercado.” Disse.

Toda compra foi realizada com dispensa de licitação, amparado no Decreto de Estado de Calamidade Pública.

A polêmica é apenas parte do que será investigado pela CPI do Coronavírus, instalada pelos vereadores de São José de Ribamar na manhã desta quarta-feira (07), e que deve investigar para onde o prefeito está destinando os mais de R$ 35 milhões recebidos nos últimos dois meses.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *