Eleições 2020: Primeira-dama é pivô de racha no grupo de Eudes Sampaio

Primeira-dama tem controlado cada ato de exoneração e de nomeação e defende rompimento do prefeito com seu ex-chefe.

A primeira-dama do município de São José de Ribamar, Joana Katya Veras Rodrigues Sampaio Nunes pode virar a grande pivô do racha que está para acontecer no grupo do ex-prefeito Luís Fernando e do atual prefeito Eudes Sampaio (PTB).

Autoritária, desde que Luís Fernando renunciou ao cargo de prefeito, Joana entrou em cena e passou a controlar cada ato realizado por Eudes Sampaio.

Dentre as exigências da esposa do prefeito, estão por exemplo, que Eudes se imponha como prefeito, não aceitando nenhum tipo de ordem ou conselho de Luís Fernando.

Segundo apurou o blog, profissionais da saúde e de outras secretarias são selecionados pela primeira-dama, que tem adotado a estratégia de enfraquecer ainda mais o controle do ex-prefeito, e para isso, tem feito de tudo para colocar na geladeira o secretário de Saúde Tiago Fernandes, considerado o homem de confiança de Luís Fernando e cotado para o ser o vice, caso o grupo se mantenha unido até as convenções.

“A coordenadora (A primeira-dama é coordenadora do Ceuma) faz toda a seleção dos médicos no Ceuma. Só fiquei sabendo quem era Tiago (Secretário de Saúde) quando já estava trabalhando.” Disse um médico ligado ao blog.

É da primeira-dama também, o conselho para que Eudes dê aos vereadores da base a indicação do nome para compor chapa no seu projeto de reeleição e desta forma tire qualquer força do ex-prefeito. Seguindo o conselho da primeira-dama, Eudes conseguiu que o duro parlamentar Moisés Gama se curvasse, coisa que Luís Fernando não conseguiu.

Além dos movimentos políticos, a primeira-dama também é exigente, e impôs ao marido que tenha mais vaidade, movimento percebido na troca de veículo assim que Eudes sentou na cadeira de prefeito.

“Quando era apenas vice-prefeito ele andava em um carro popular. Assim que sentou na cadeira de prefeito no mesmo dia exigiu a troca por uma SW4, exigência da patroa”, confessou um assessor do prefeito.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *