Solidariedade deve eleger um vereador em São José de Ribamar

Dentre as indicações de empregos com o prefeito Eudes Sampaio, estão sua esposa e uma irmã, o que mostra o prestígio do vereador

O trabalho de organização do partido Solidariedade em São José de Ribamar, feito pelo líder do governo Eudes Sampaio na Câmara, vereador Professor Cristiano, deve garantir pelo menos uma vaga na próxima legislatura.

Com as garantias do atual prefeito e do ex-prefeito, Cristiano se preocupou em manter dois vereadores de mandato (além dele, a vereadora Nádia Barbosa está no partido), e conseguiu pouco mais da metade de pré-candidatos que poderiam disputar o pleito pelo partido, o que deve resultar em cerca de 15 candidatos após a convenção que homologará o registro dos atuais 18 pré-candidatos.

Na prática, só os votos dos dois vereadores de mandato, baseado nos números de 2016, não garante nenhuma vaga ao partido, por isso o imberbe vereador buscou nomes considerados mais fracos que ajudassem a superar a marca de quatro mil votos no Solidariedade, mas sem oferecer nenhum risco ao seu projeto de recondução ao cargo.

Com a estratégia, Cristiano dá como certa sua reeleição, já que detém privilégios que os demais pré-candidatos nem sonham.

Publicamente, é sabido que a esposa do vereador exerce cargo estratégico no Hospital Municipal, o que tem lhe garantido além de informações importantes, serviços de assistência que na prática, resultam em votos para o parlamentar.

Na montagem do partido, Cristiano se preocupou em colocar no mesmo pacote, com exceção da vereador Nádia, nomes sem prestigio algum na gestão, nem regalias como indicações de empregos, de modo que não lhe representasse risco. Na soma, se tudo der certo, conseguirá reeleger-se e quem sabe, na sobra, também renovar o mandato da vereador Nádia Barbosa.

Já aos demais candidatos, restará a gratidão pelos votos que ajudará o partido a atingir o quociente eleitoral, que este ano está estimado em 4 mil votos.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *