Veja quem são os pré-candidatos a vereador “escolhidos” de Luís Fernando e Eudes Sampaio

O blog teve acesso a lista dos nomes de vereadores, ex-vereadores e secretários que serão trabalhados para garantir a eleição no pleito de outubro. São 12 nomes que devem integrar o primeiro pelotão de quatro partidos e devem receber atenção especial do ex-prefeito Luís Fernando e do atual prefeito Eudes Sampaio (PTB).

Com prazo final para filiação no próximo sábado (04), os nomes dos “queridinhos” já foram selecionados e o blog revela aqui. Ainda de acordo com informações repassadas, agora cada partido está buscando os buchas, pré-candidatos com menor potencial e que servirão para eleger os “escolhidos” por Luís Fernando e Eudes Sampaio em outubro.

No PROS, os vereadores Lázaro e Moisés Gama seguem rezando a cartilha do prefeito na Câmara e receberão tratamento especial para terem a reeleição garantida. Além dos dois vereadores, existe um compromisso para eleger o Secretário de Juventude, Antônio Augusto.

No PTB, partido do atual prefeito, Marlene Monroe e Valdo Coelho são os dois nomes escolhidos por Luís Fernando e Eudes Sampaio, respectivamente. Além dos dois vereadores,  prefeito e ex-prefeito trabalharão para eleger o subprefeito da Região do Parque Vitória, Professor Milton.

Já o pré-candidato Jordão Reis, que tem se destacado por sua forte atuação em diversos bairros tem sido alvo de ataques de aliados do prefeito, especialmente de outro pré-candidato do Solidariedade, o famoso “fogo amigo”.

No Solidariedade, a prioridade de Luís Fernando é eleger o atual secretário de Comunicação, Matias Marinho. Além do pupilo do ex-prefeito, existe o compromisso para garantir a reeleição dos vereadores Professor Cristiano e Nádia Barbosa.

No quarto partido, o PP, com menos compromisso, mas ainda assim como lista de prioridade, o grupo Luís Fernando e Eudes Sampaio devem trabalhar para reeleger o vereador Lindoso e Manuel do Nascimento. O ex-vereador César Vieira é tratado com certo desprezo, mas também está na lista de prioridade.

Os 12 pré-candidatos atuam para garantir o número máximo de “buchas”, que é como são chamados os pré-candidatos com provável votação baixa. Cada um dos escolhidos deve levar pelo menos mais cinco pré-candidatos para seus partidos.

Além dos quatro partidos, o grupo do atual prefeito recebeu recentemente o “depenado” tucano. Sem grandes nomes, o PSDB Ribamarense corre contra o tempo para ter candidatos a vereador no pleito de outubro.

Enquanto isso, as promessas e certezas de que os novatos serão eleitos segue mais em alta do que o Covid-19.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *