Procon: Duarte Júnior temia ser descoberto pela Justiça

Procon Jato –  Novos supostos diálogos vazados na tarde desta quinta-feira (20), revelam que o ex-presidente do Procon e à época, candidato a deputado estadual Duarte Júnior demonstrava preocupação em ser descoberto pela Justiça Eleitoral, o que acabou acontecendo, tornando o deputado consumerista e sua namorada, réus na ação proposta pelo MPE que pede a cassação do mandato e inelegibilidade por até oito anos por uso do Procon em benefício próprio.

Com comitê eleitoral próximo à unidade do Procon da Praia Grande, na mensagem, Duarte, que aparentemente estava irritado, dá instruções no grupo formado supostamente por servidores do Procon que atuaram em sua campanha, de como devem se comportar, e revela que acaba de ser ameaçado.

“Vou falar por aqui pela milésima vez! Não estacione o carro de vocês perto da casa! (Se referindo ao Comitê da Praia Grande) Estacionem em outro quarteirão! Acabo de ser ameaçado aqui por IRRESPONSABILIDADE de alguns!!!” diz parte do diálogo, deixando claro que o candidato já estava preocupado e que vinha alertando os participantes do grupo com frequência.

O ex-presidente do Procon segue com a mensagem, deixando claro que misturava a coisa pública com pessoal. “Não importa qual o carro! Pode tá no nome do PROCON ou em seu nome, estacione em outro local, por favor!!!” diz o alerta com reforço, revelando preocupação máxima. “Confirmem ciência AGORA, avisem algum colega para OLHAR a mensagem e cumpram!!! Por favor!!”. Conclui.

Integrantes do grupo, preocupados com o perfil autoritário do ex-presidente do Procon, respondem confirmando ciência do alerta.

Em outra mensagem, Duarte continua dando instruções de como os integrantes, alguns servidores do Procon, devem tomar cuidado no acesso da Comitê. “Além disso, cuidado com a entrada e saída! Apensas por trás!!” decreta Duarte.

Linha do tempo do Procon Jato – Como está sendo chamado os vazamentos de diálogos dos servidores do Procon durante a campanha de Duarte Jùnior.

Na segunda-feira (17), o blog Maramais publicou trechos de diálogos vazados de um grupo de app denominado Os Vingadores, supostamente formado por servidores comissionados do Procon e que podem ter atuado na campanha de Duarte Júnior em 2018.

Na primeira publicação, os prints revelaram possível jogo sujo durante a campanha, com esquema de criação de perfis fakes.

No mesmo dia, a assessoria de comunicação do deputado negou as acusações e disse tratar-se de nítida motangem.

Ainda na segunda-feira (17), áudios do próprio Duarte Júnior deram indícios de uso do Procon durante sua campanha.

Na quarta-feira (19), novos supostos diálogos vazam e complicam a situação de Karen e Duarte. Em trechos das conversas, Karen atua dias antes da eleição e logo após a vitória, convoca os servidores para voltar a normalidade. “Sem deslumbre” alerta a Presidente do Procon após a vitória do namorado.

Ainda na quarta-feira (19), novo áudio do ex-presidente do Procon revela como os servidores do Procon eram obrigados a fazer campanha para Duarte Júnior.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *