Ministério Público investiga descaso de Eudes Sampaio com os bairros Araçagy e Turiúba

Viatura ficou completamente atolada na lama devido caos na infraestrutura do município. O caso aconteceu no ano passado, na região do Alto do Turu.

O Ministério Público do Maranhão está investigando o descaso com a infraestrutura do bairro Araçagy, uma das áreas onde os proprietários de imóveis pagam o IPTU mais caro do município, mas falta tudo, até ruas. Por lá, moradores se queixam que as ruas estão completamente destruídas e algumas o lixo e mato tomaram conta.

De acordo com os moradores, as condições são tão ruins que até o caminhão de lixo ficou atolado na lama. “Aqui sofremos com o descaso do prefeito municipal. As ruas estão em péssimas condições e nos últimos três anos não teve uma intervenção do Poder Público. O caminhão do lixo, quando resolve entrar aqui, acaba ficando atolado, e por isso sofremos também com muito lixo acumulado.” Disse o morador Paulo Azevedo.

No ano passado, moradores protestaram contra o descaso da gestão Eudes Sampaio com o bairro e bloquearam a Avenida dos Holandeses, causando grande transtorno a quem transita pela principal via da região.

Um morador chegou a publicar um vídeo de sua caminhonete 4×4 engolida pela lama, e desafiou o prefeito Eudes Sampaio a percorrer o bairro para ver a difícil situação dos ribamarenses. O prefeito ignorou o chamado do morador.

Além do caos na infraestrutura do bairro Araçagy, a Promotoria de Justiça também abriu inquérito para apurar a situação de risco dos moradores da Avenida Inocêncio de Carvalho, no Turiúba. Por lá, uma grande erosão pode acabar em acidente

Quem comanda a investigação é a Promotora de Justiça Silvia Menezes de Miranda, que também deve apurar a situação dos bares localizados na praia de Panaquatira, o objetivo da investigação é saber o tamanho do dano urbanístico e ambiental na praia, considerada referência em São José de Ribamar. (Confira)

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *