Presidente da Tatuapé desmente Luís Fernando, e coloca prefeito na mira do Ministério Público

Presidente da Escola de Samba desmente Luís Fernando em rede nacional.

O presidente da Escola de Samba Acadêmicos do Tatuapé, Eduardo dos Santos, pode ter colocado o prefeito de São José de Ribamar, Luís Fernando Moura da Silva (PSDB), na mira do Ministério Público.

Sem saber que o prefeito vinha adotando a estratégia de garantir a sociedade ribamarense que não gastou nenhum centavo com a Escola de Samba Paulista, Eduardo desmentiu o prefeito em rede nacional, e afirmou aos repórteres do UOL e da Folha de São Paulo que recebeu apoio da prefeitura de São José de Ribamar e de empresas, e que o Governador Flávio Dino, não quis nem mesmo lhe receber.

“O governo nem quis nos receber. Nós tentamos desde agosto e nada. Tivemos apoio sim de algumas empresas e da prefeitura de São José do Ribamar” revelou Eduardo, à Folha de São Paulo / UOL.

Desmentido em rede nacional, o prefeito de São José de Ribamar deverá dar explicações ao Ministério Público, e esclarecer como foi esse apoio, se dentro da lei, ou oculto.

Guilherme Mulato tem sido o principal adversário político no município, e tem revelado várias irregularidades do gestor municipal

O presidente do PRP, Guilherme Mulato, principal oposição à péssima gestão do prefeito, disse que na segunda-feira irá protocolar denúncia na Promotoria do Município, para que o Parquêt abra inquérito para apurar quanto o município destinou à Escola de Samba, e quais meios foram usados.

“O Ministério Público precisa investigar quem está mentindo. O Prefeito Luís Fernando que afirma que não houve ônus para o município, ou o presidente da Escola de Samba, que garante que a Prefeitura destinou apoio sim. E se o apoio financeiro tiver acontecido, é preciso descobrir se foi dentro dos ditames legais ou se foram usadas praticas ilícitas. Caso isso tenha acontecido, iremos pedir a punição ao prefeito, pela pratica do crime de improbidade administrativa.” Disse Guilherme Mulato

Prefeito diz que não apoiou a Escola

Com uma cidade completamente destruída, sem nenhuma ação da prefeitura no segundo ano do mandato do prefeito Luís Fernando, e sem apoio a cultura local, Luís Fernando, com medo de criticas, adotou a postura de negar que a Escola de Samba tenha recebido dinheiro publico do município.

Mesmo assim, o prefeito trouxe parte da Escola de Samba para se apresentar em evento oficial do município.

Um vídeo do ex-vereador Teté Vieira, que hoje exerce o cargo de assessor especial do prefeito, revelou que a Escola de Samba fez uma apresentação especial na mansão de Luís Fernando, antes de se apresentar para o público. ( veja aqui )

A festa particular teria comprometido o evento da prefeitura, que teve mais de três horas de atraso e foi um verdadeiro fiasco. ( veja aqui )

Uma ideia sobre “Presidente da Tatuapé desmente Luís Fernando, e coloca prefeito na mira do Ministério Público

  1. Guilherme adversário pra Luís Fernando? Kkkkk Porra Juju não força a barra, junta o Cupim e toda sua turma somada aos Julinistas e os cacos dos Câmaras que não dá nem pro começo. No fundo vocês sabem disso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *