Raimundo Penha visita CAISI e ratifica apoio aos idosos

O vereador Raimundo Penha (PDT) visitou, nesta quarta-feira (24), o Centro de Atenção Integral a Saúde do Idoso, unidade especializada mantida pela prefeitura de São Luís e que fica localizada no bairro do Filipinho.

Acompanhado dos secretários municipais Lula Fylho (Saúde) e Andréia Lauande (Assistência Social), o parlamentar conheceu o funcionamento do CAISI e ratificou apoio no sentido de continuar promovendo ações direcionadas ao público da Melhor Idade.

Raimundo Penha, antes mesmo de eleger-se vereador, sempre tratou as políticas públicas de benefício à terceira idade como prioridade na sua agenda de homem público.

Quando exerceu o cargo de secretário municipal de Desporto e Lazer da capital, por exemplo, implantou o projeto “São Luís Saudável”, iniciativa que oferece atividades esportivas gratuitas para os idosos moradores de diversos bairros.

Na Câmara Municipal de São Luís, desde o ano passado, mantém apoio a várias outras ações neste segmento, como é o caso do projeto “Superação”, que oferece, também de forma gratuita, atividades diversas nos bairros, tais como aulas de zumba, treinamento funcional e recreação.

Atualmente, o “Superação” está funcionando plenamente na Liberdade, Alemanha, Coroadinho, Cohab, Rio Anil, Bequimão e São Bernando; e a expectativa é de que, em breve, seja levado para outras localidades.

“O CAISI é uma importante ferramenta de valorização e cuidado para com os nossos idosos. Os secretários Lula e Andréia, além do prefeito Edivaldo, estão de parabéns”, disse o vereador.

Cerca de 17 mil idosos são cadastrados no Centro de Atenção Integral à Saúde do Idoso.

No local, são oferecido serviços especializados nas áreas de geriatria, educação física, fonoaudiologia, nutrição, psicologia, terapia ocupacional, fisioterapia, serviço social.

Os idosos contam, ainda, com a assistência prestada através de grupos de convivência sobre saúde do homem e estímulo à memória, além de atividades como artes manuais, pilates, coral, dança e terapia familiar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *